Confederação de Ginástica afasta os atletas envolvidos em caso de racismo

Arthur Nory Mariano, Fellipe Arakawa e Henrique Flores ficarão de fora da Seleção por 30 dias ou até a situação ser resolvida

Por O Dia

São Paulo - A  Confederação Brasileira de Ginástica (CBG) anunciou oficialmente nesta quarta-feira o afastamento dos atletas da Seleção de Ginástica Artística Masculina, Arthur Nory Mariano, Fellipe Arakawa e Henrique Flores.

Vídeo: Funcionário do McDonald's é agredido e chamado de macaco na Barra

A punição aplicada terá um período de 30 dias ou até a decisão final do caso, envolvendo o vídeo publicado pelos meninos em uma rede social na última semana, for resolvida.

Confira na íntegra a nota da CBG:

"A Confederação Brasileira de Ginástica (CBG), considerando (i) análise preliminar de fatos e relatórios e publicações em mídias e redes sociais envolvendo atletas da seleção nacional por questões disciplinares; (ii) encaminhamento do feito ao STJD da Ginástica, instância desportiva competente que funciona junto à entidade, na forma do art. 50 e ss da Lei 9615/98; (iii) o disposto nos arts. 48 e seguintes da Lei 9615/98, arts. 30, parágrafo 2°., alíneas "j" e "u", 47 a 59 do Estatuto da CBG.

RESOLVE

Afastar preventivamente da seleção nacional e eventos nacionais e internacionais, e suspender a concessão de bolsas e incentivos financeiros pelo prazo de 30 (trinta) dias, ou até decisão final sobre o caso pela CBG e STJD da Ginástica, os atletas da seleção de Ginástica Artística Masculina, Srs. Arthur Nory Oyakawa Mariano, Fellipe Arakawa Ferreira e Henrique Flores."

Últimas de Esporte