Presidente da Juventus diz que garantir permanência de Pogba é impossível

Andrea Agnelli afirmou que 'no futebol não há nada absoluto'

Por O Dia

Itália - O presidente da Juventus, Andrea Agnelli, afirmou nesta segunda-feira que é impossível garantir definitivamente a permanência do meia francês Paul Pogba até o fim da janela de transferências de início da temporada.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e jogos: os destaques do futebol internacional

"No futebol, não há nada absoluto. Os jogadores não são negociáveis apenas a partir de 1º de setembro", disse o dirigente, em entrevista à uma rádio local.

Pogba tem propostas de Barcelona, PSG e Manchester CityReuters

Agnelli aproveitou para lembrar o caso do centroavante italiano Christian Vieri, que em 1997 vivia grande fase, e apesar da grande falta de interesse de boa parte da diretoria em negociá-lo, acabou indo para o Atlético de Madrid.

Pogba é apontado como um dos alvos do Barcelona para a próxima temporada, mas também poderia se transferir para o Manchester City e o Paris Saint-Germain, que já teriam demonstrado interesse.

O diretor-esportivo da Juve, Giuseppe Marotta, por sua vez, garantiu que o meia francês não seria vendido em hipótese alguma, inclusive já tendo sido rejeitada proposta de 80 milhões de euros (R$ 278,4 milhões).

Últimas de Esporte