O verdadeiro herói da baleia

Jovem jubarte foi salva graças à coragem de um PM

Por O Dia

André Luiz Oliveira resgatou a baleiaReprodução Internet

Rio - Sabe o salvamento da baleia no Leme por dois artesanais semana passada? Era história de pescador. Na verdade, a jovem jubarte foi salva graças à coragem de um PM. Arriscando a própria vida, o subtenente André Luiz Oliveira, da 7ª Unidade de Policiamento Ambiental, Marítimo e Fluvial (Upam), atirou-se ao mar e cortou pedaço de rede que prendia a baleia a uma pedra. “Dois pescadores em um barco chegaram a cortar parte da malha, mas outro pedaço ficou no animal, que se prendeu a uma rocha”, conta o suboficial herói.

A coragem de André foi destacada pelo comandante da 7ª Upam, capitão Marcelo Sarmento. “Foi uma operação arriscada. Quando, o agente cortou a malha, o movimento da nadadeira caudal da baleia, de mais de uma tonelada, o deslocou por alguns metros. Ele teve muita coragem. Mas era o único jeito de livrarmos o animal”, lembrou. A jubarte embaraçou-se na rede perto do Caminho dos Pescadores na noite do dia 9, quinta-feira. No dia seguinte, foi solta pelo PM.

EM SEIS MESES, POLÍCIA MARÍTIMA JÁ APREENDEU 50 MIL M2 DE REDES

A orla carioca é rota de animais, que buscam águas mornas nesta época. As redes de espera acabam sendo grande ameaça a baleias, tartarugas, tubarões e golfinhos. Mas a bandalha das redes pode estar com os dias contados. Criada há pouco mais de seis meses, a 7ª Upam mostra serviço: já apreendeu mais de 50 mil m2 de redes, mais de uma tonelada de pescado e deteve 150 pescadores. “Vamos apertar ainda mais a fiscalização”, advertiu capitão Sarmento. Denúncias pelos tels.: 2334-7995 e 2334-7634.


Policiais da Unidade de Policiamento Ambiental Marítimo e Fluvial socorreram um filhote de baleia jubarte que estava preso a redes de pesca, próximo à praia do Leme. Parabéns ao Subtenente André, que conseguiu cortar a rede e libertar a baleia! [?][?][?] #servireproteger #CPAM #RioEuAmoEuCuido #PMERJ

Posted by Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro on Sexta, 10 de julho de 2015
Leonardo mostra namorado%2C fisgado na pargueira%2C com isca de bonito%2C em SaquaremaReprodução Internet
Sergio Vieira exibe pampo%2C fisgado na isca de tatuí%2C na Praia de Itaúna%2C em SaquaremaReprodução Internet
Está aí Túlio Portela estreando o caiaque AS 350%2C com belo sargo%2C fisgado na isca artificialReprodução Internet
Alexandre Ribeiro Guimarães exibe penca de corvinas%2C na isca artificial%2C em PaquetáReprodução Internet

RIO É CAMPEÃO

A equipe do Rio de Janeiro da Fepelerj (foto ao lado) sagrou-se campeã do 1º Brasileiro de Seleções Estaduais de Pesca de Praia. Disputa foi no fim de semana passado em Florianópolis e reuniu seleções de São Paulo, Espírito Santo, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

TROFÉU ISCAS

Neste domingo o troféu ‘Iscas e Anzó</IP>is’ estará em disputa na prova de pesca Amigos do Barracuda, no murinho da Urca. Inscrições (R$ 15) podem ser feitas no local, a partir das 6 horas. Prova é aberta a todos os pescadores.

DICAS DE PEIXES

Mestre Canarinho

(99953-8100): as iscas são camarão e lula: Quebra-Mar da Barra — corvina, papa-terra, xerelete e galhudo; Cagarras — xerelete, cangulo, papa-terra e marimbá; Gragoatá/Boa Viagem — corvina, papa-terra e xerelete; Ilhas Pai e Mãe — espada, xerelete, corvina e papa-terra.

Carlinhos Piraúna

Saída canal do Leblon — anchova (manhã), artificial; Praia de Ipanema — papa-terra e corvina (noite); Arpoador — anchova (dia), artificial; Praia de Copacabana — papa- terra e corvina (noite); Leme — corvina e lula (madrugada); Pista Claudio Coutinho — anchova (manhã)<IP0>.

Gilberto Ohoishi

(22)- 99839-6442: em Arraial do Cabo, na Praia Grande — xerelete, cavalinha, pargo, corvina, goete e lanceta; Ponta do Focinho — corvina, tira-e-vira, maria- mole, castanha, goete, lanceta e pargo; Largo da Ilha do Farol — olho-de-cão, pargo, xerelete, cavalinha e pitangola.

Últimas de Esporte