Primo de Kobe Bryant tenta levar Venezuela ao pódio no basquete do Pan

John Cox joga no Le Havre, da França, e promete briga por medalha em Toronto

Por O Dia

John CoxReprodução

Canadá - O nome de John Cox é desconhecido para grande parte do público, mas o número 6 da seleção venezuelana masculina de basquete que disputa os Jogos Pan-Americanos de Toronto é, nada menos, primo do astro Kobe Bryant.

"Temos uma relação boa, sólida e próxima. Às vezes nos falamos antes dos jogos, depende, como qualquer relação entre primos", disse o atleta, que nasceu na Venezuela, à Agência Efe.

A mãe de Kobe é irmã de Chubby Cox, que atuou na NBA e também no Beverly Hills, extinto clube da cidade de Caracas, em 1981, justamente o ano do nascimento de John.

Ontem, na primeira partida pelo Pan, o jogador do Le Havre, da França, fez 14 pontos e pegou seis rebotes na derrota dos venezuelanos para os Estados Unidos por 85 a 62, na primeira rodada do grupo A do torneio masculino.

"Lutaremos para subir ao pódio. Estamos trabalhando duro e poderemos fazer algo importante", disse o atleta.

Questionado sobre o futuro do familiar mais famoso no basquete profissional, Cox admitiu que será necessário esperar a recuperação de Bryant dos constantes problemas físicos que vem sofrendo.

"Veremos o que acontece. Se ele estiver bem fisicamente, ainda tem muito basquete para mostrar. Dependerá dele", disse o venezuelano.

Últimas de Esporte