'Brasil tem que ter treinador brasileiro', diz Guardiola sobre assumir a Seleção

Técnico disse que nunca houve contato com dirigentes da CBF

Por O Dia

Alemanha - Preferido de alguns como bom nome para assumir o comando da seleção brasileira, Pep Guardiola descartou em um primeiro momento sua vinda para o Brasil. O técnico do Bayern de Munique afirmou que o país tem bons nomes para o cargo.

"O Brasil tem que ser treinado por um brasileiro, Um brasileiro que conheça seu futebol. É o melhor. Sempre teve e sempre terá muitos bons treinadores", disse.

Contrariando as afirmações de Daniel Alves ao programa 'Bola da Vez', da 'ESPN Brasil', quando o lateral-direito disse que o técnico havia feito uma proposta para assumir a Seleção, Guardiola afirmou que nunca houve contato com dirigentes da CBF.

Guardiola não pretende assumir a seleção brasileiraReuters

"Na realidade, nunca conversei com nenhum dirigente da Seleção Brasileira nem com nenhum interlocutor da Seleção Brasileira. O Brasil tem grandes treinadores e teve excelentes treinadores durante a sua história", afirmou Guardiola, que ainda falou sobre sua amizade com Daniel.

"Dani Alves é um amigo e gosta muito de mim. E eu gosto muito dele. Com Dani Alves trabalhei por quatro anos e por quatro anos conversamos sobre milhões de coisas", concluiu.

Últimas de Esporte