Fabiana Murer conquista a medalha de prata no salto com vara no Mundial

Brasileira fez a melhor marca de sua carreira nesta competição

Por O Dia

Fabiana Murer foi superada pela cubana Yarisley SilvaEfe

China - Fabiana Murer superou o drama sofrido no estádio Ninho do Pássaro, em Pequim. Sete anos depois da Olimpíada, ela conquistou a medalha de prata no salto com vara, com a marca de 4,90m. Assim como nos Jogos Pan-Americanos de Toronto, que tiveram excelente nível no salto com vara, a campineira foi superada pela cubana Yarisley Silva, que levou o ouro com 4,91m. O bronze coube à grega Nikoleta Kyriakopoulou (4,80m).

Assim como fizera no Mundial de Daegu, em 2011, quando obteve o ouro, Murer salvou o atletismo brasileiro. Até agora, ela conquistou a única medalha do Brasil no Mundial, e muito provavelmente o país não voltará a pisar no pódio em Pequim.

Em 2008, Fabiana atravessou o maior drama da sua carreira ao dar pela falta de uma vara. Desestabilizada emocionalmente pela ausência do equipamento, ela não rendeu o esperado e teve performance apagada, não passando dos 4,55m. Desiludida, Fabiana dissera que nunca mais voltaria a Pequim.

Felizmente não cumpriu a promessa.
Nesta quarta-feira, Fabiana obteve a melhor marca de sua carreira, novo recorde sul-americano. O ouro em Daegu fora obtido com 4,85m.

Yarisley, que chegou à China como campeã mundial e líder do ranking, com 4,91m, ainda fez uma tentativa de quebrar o recorde do Mundial, ao colocar o sarrafo a 5,01m, mas não conseguiu.

Fonte: iG

Últimas de Esporte