Da presidência à NBA? Obama confessa desejo de virar proprietário de clube

Fanático por basquete, o presidente dos Estados Unidos diz que se pega sonhando em ser dono do Chicago Bulls, seu time do coração. Mas ainda tem mais um ano de mandato à frente

Por O Dia

Estados Unidos - Barack Obama está em seu penúltimo ano do segundo mandato como presidente dos Estados Unidos da América. É a reta final, mas, dada a importância do cargo, obviamente que ele não pode pensar muito longe. Há muitas tarefas para cuidar dia após dia.

Ainda assim, em entrevista à revista "GQ", o líder norte-americano confessou que, para o futuro, poderia se envolver com um clube da NBA e lidar mais de perto com uma das grandes paixões de sua vida, o basquete. "Absolutamente", afirmou.

Obama sonha ser dono do Chicago BullsEfe

Quando questionado se essa franquia teria de ser obrigatoriamente o Chicago Bulls, seu time de coração, da cidade na qual construiu seu capital político, Obama tergiversou. "Bem, você sabe, conheço (Jerry) Reinsdorf (atual proprietário) muito bem, e sei que ele não vai me ceder isso tão cedo. Mas já fantasiei em montar um time e o quanto isso seria divertido. Seria incrível."

Sobre a atual equipe do Bulls, o presidente dos EUA afirmou que ainda acredita numa recuperação do armador Derrick Rose, eleito o melhor jogador da liga em 2011, mas que, desde então, tem sua carreira abalada por graves lesões. "Lembre-se que Rose ainda é muito jovem", afirmou sobre o atleta de 27 anos. "Ainda não desisti dele. É triste imaginar que, depois de tantas lesões, ele possa retomar seu nível do ano de MVP. Mas ele ainda pode ser um dos dez melhores armadores."

Se não fosse possível assumir o controle de uma franquia da NBA, estaria Obama, então, interessado em se tornar um comissário de uma das grandes ligas esportivas do país? A resposta foi positiva também, e sua preferência, claro, seria a de basquete. "Estou mais preparado para isso. Mas não posso acreditar que o comissário do futebol (americano) recebe US$ 44 milhões por ano. A liga está dando lucro, e é nisso que os donos dos clubes estão mais concentrados", disse.

Últimas de Esporte