Evento-teste do Badminton define osconfrontos das quartas de final

No Riocentro, Lohaynny Vicente será a representante do Brasil na fase decisiva, nesta sexta-feira. Entre os homens, chinês Lin Dan segue firme na disputa pelo título

Por O Dia

Rio - O II Yonex Brasil Open, competição válida como evento-teste do badminton para os Jogos Olímpicos Rio 2016, definiu nesta quinta-feira os confrontos das quartas de final das chaves de simples masculina e feminina e duplas masculina e mistas. Lohaynny Vicente é a única representante do Brasil que segue na competição no pavilhão 4 do Riocentro. Bicampeão olímpico e pentacampeão mundial, o chinês Lin Dan também prossegue na disputa pelo título. Os jogos retornam nesta sexta, a partir das 10h. A chave de duplas feminina volta no sábado com as semifinais.

Número um do Brasil e 60ª do mundo, Lohaynny se classificou na segunda posição no Grupo B. Nesta quinta, ela perdeu para a austríaca Elisabeth Baldauf (81ª), por 2 sets a 1, parciais de 9-21, 21-19 e 9-21. Nas quartas, a brasileira vai enfrentar a chinesa Shen Yaying (75ª), às 11h45. Cabeça de chave número um da simples feminina, a americana Rong Schafer (36ª) encara a chinesa Li Yun (136ª), às 10h45.

"Acho que estou fazendo um bom papel no torneio, vou subir bastante no ranking, ainda mais se vencer meu jogo das quartas de final. Vou me concentrar muito pois estes pontos são bem importantes. Será um bom passo para obter a classificação olímpica. Darei o meu máximo", afirmou Lohaynny. 

Entre os homens%2C chinês Lin Dan segue firme na disputa pelo títuloPedro Martins/BWF

Na simples masculina, única categoria que teve a disputa de oitavas de final, Lin Dan (4º) obteve mais uma vitória fácil. Ele derrotou o tcheco Milan Ludik (61º), por 2 sets a 0, parciais de 21-12 e 21-13. Nas quartas, o bicampeão olímpico irá enfrentar outro tcheco, Petr Koukal (77º), às 11h45. Quem também se classificou foi o cubano Osleni Guerrero (60º). Ele venceu o austríaco David Obernosterer (55º), por 2 sets a 0, parciais de 21-13 e 21-17.

"Eu posso ser o primeiro cubano a jogar o badminton nos Jogos Olímpicos. Para mim seria a realização de um sonho", afirmou Guerrero, que terá como adversário na próxima fase Guo Kai (113º), às 11h45. O chinês foi o responsável por eliminar o número um do Brasil e 67º do ranking mundial, Ygor Coelho, por 2 sets a 1, parciais de 15-21, 21-16 e 21-9. O outro brasileiro nas oitavas, Alex Tjong (114º), foi superado pelo ucraniano Artem Pochtarev (92º), por 2 sets a 0, parciais de 21-17 e 21-11.

Na dupla masculina, os indianos Manu Attri e B. Sumeeth Reddy (20º) derrotaram os ingleses Peter Briggs e Tom Wolfenden (46º), por 2 sets a 1, parciais de 18-21, 21-18 e 21-18, e se classificaram em primeiro no Grupo A. Nas quartas de final, eles vão enfrentar os americanos Mathew Fogarty e Bjorn Seguin (126º), às 12h30.

Nas mistas, os alemães Michael Fuchs e Birgit Michels, atuais 14º colocados no ranking mundial, não jogaram nesta quinta-feira. Eles já tinham garantido a primeira posição no Grupo A. Seus adversários nas quartas de final serão os holandeses Jacco Arends e Selena Piek (12º), às 10h.

A disputa de dupla feminina teve definidos os confrontos das semifinais. No sábado, as holandesas Eefje Muskens e Selena Piek (7ª) vão enfrentar as alemãs Johanna Goliszewski e Carla Nelte (27ª), enquanto as americanas Eva Lee e Paula Lyn Obanana (23ª) terão como adversárias as chinesas Chen Qingchen e Jia Yifan (63ª). Os horários ainda serão definidos.

PROGRAMAÇÃO:

Sexta-feira (dia 27): quartas de final a partir das 10h

Sábado (dia 28): semifinais a partir das 14h

Domingo (dia 29): finais a partir das 13h


Últimas de Esporte