Cruzeiro deixa Liga Sul-Minas-Rio e dupla Fla-Flu pode seguir caminho

Presidente do clube afirmou que clubes cariocas não concordaram com os rumos e não devem disputar o torneio

Por O Dia

Minas Gerais - Ainda sem a confirmação para a próxima temporada, a Liga Sul-Minas-Rio ganhou um desfalque de peso. Em entrevista coletiva, o presidente do Cruzeiro, Gilvan de Pinho Tavares, anunciou nesta quinta-feira que o clube mineiro não vai mais participar da competição, que caso aconteça. Segundo o mandatário, Flamengo e Fluminense também correm o risco de sair.

Cruzeiro não vai disputar a Liga Sul-Minas-RioDivulgação

"O Cruzeiro já firmou posição. Ele não fará mais parte da Liga Sul-Minas. Não disputará. Surgiram questões com as quais não concordei, assim como Flamengo e Fluminense. Existe uma grande possibilidade de eles também saírem. Temos um momento muito conturbado no futebol brasileiro. Haverá uma eleição para eleger um vice da CBF", afirmou.

O anúncio da desistência do Cruzeiro ocorreu durante a entrevista coletiva de apresentação do novo treinador do Cruzeiro, o ex-auxiliar técnico do time, Deivid, nesta quinta-feira, na sede administrativa. Um dos motivos para a saída da Raposa da competição é a divisão de cotas para a competição. O entrave causou divergências durante o último encontro dos representantes dos times da Primeira Liga.

Últimas de Esporte