Cruzeiro volta atrás e clubes confirmam início da Liga Sul-Minas-Rio em 2016

Representantes fecharam acordo mesmo sem discussão sobre as cotas de TV da competição

Por O Dia

Rio - Paz na Liga Sul-Minas-Rio. Depois da ameaça de racha com a saída do Cruzeiro, os clubes fundadores se reuniram, nesta quinta-feira, no Rio de Janeiro, acertaram o retorno da Raposa e fecharam acordo para a disputa da competição em 2016. A questão das cotas de TV que gerou toda a polêmica não foi decidida ainda, mas mesmo assim, os clubes concordaram com a disputa do torneio para o próximo ano.

Liga Sul-Minas-Rio vai acontecer no ano que vemReprodução Facebook

A estrutura da Liga permanece idêntica. Os integrantes fizeram questão de deixar claro que tudo voltou ao ponto em que estava antes da reunião realizada nas Laranjeiras. Na ocasião, Mario Celso Petraglia havia sido apontado como co-presidente da Liga.

Em busca da paz no lado político e para trazer de volta ao grupo o presidente do Cruzeiro, Gilvan Tavares, houve revogação da eleição de Mario Celso Petraglia como co-presidente. Gilvan topou o retorno, especialmente depois da intermediação feita por Eduardo Bandeira de Mello

Não houve nova discussão de cotas de transmissão, até porque o acordo ainda não foi fechado. Essa questão será abordada em outro momento. Os clubes que disputarão o torneio da Primeira Liga em 2016 são: Flamengo, Fluminense, Grêmio, Internacional, Atlético-MG, Cruzeiro, e América-MG, Atlético-PR, Coritiba, Avaí, Figueirense, Criciúma.

Últimas de Esporte