Diego Costa marca, Chelsea vence Arsenal e deixa Leicester na liderança

Gunners foram ultrapassados pelo City e estão em terceiro lugar

Por O Dia

Inglaterra - Com gol do atacante brasileiro naturalizado espanhol Diego Costa, o Chelsea venceu neste domingo o Arsenal por 1 a 0, no Emirates Stadium, impedindo que o rival londrino voltasse a ocupar a liderança do Campeonato Inglês, agora nas mãos do surpreendente Leicester.

O camisa 19 dos 'Blues' balançou as redes, mostrando o habitual oportunismo, aos 23 minutos do primeiro tempo, já quando o time da casa atuava com um jogador a menos, por causa da expulsão direta do zagueiro alemão Per Mertesacker, cinco minutos antes, por causa de falta, justamente em Diego Costa.

Diego Costa decidiu o duelo para o ChelseaEfe

Os 'Gunners' lutaram, apesar da desvantagem, e chegaram a impor pressão no fim da etapa final. Aos 40, a equipe quase chegou o gol de maneira inusitada, quando o goleiro belga Thibaut Courtois saiu mal, após bola cruzada na área, e quase permitiu que o galês Aaron Ramswy finalizasse para as redes.

Nos acréscimos, até mesmo o tcheco Petr Cech, ídolo do time azul, foi para a área tentar ajudar os anfitriões na tentativa de empatar a partida. Na única vez que subiu para a área rival, que defendeu por 11 anos, o goleiro não conseguiu chegar perto de cabecear a bola. Willian e Oscar, que ficou em campo até os 32 minutos do segundo tempo, começaram jogando pelo Chelsea.

Já no Arsenal, o zagueiro Gabriel Paulista saiu do banco ainda na primeira etapa, substituindo o centroavante francês Olivier Giroud, em recomposição defensiva feita pelo técnico Arsène Wenger. Com o revés, os 'Gunners' ficaram estacionados nos 44 pontos, três atrás do Leicester, que ontem bateu o Stoke City por 3 a 0. O clube londrino ainda foi ultrapassado pelo Manchester City, que tem a mesma pontuação, mas melhor saldo de gols (22 a 15). O Chelsea, por sua vez, estabeleceu o sétimo jogo de invencibilidade, chegando a três vitórias e quatro empates no período. A equipe está com 28 pontos, sete acima da zona de rebaixamento, ocupando a 13ª colocação na tabela.

Últimas de Esporte