Guardiola revela meta à frente do City e minimiza rivalidade com José Mourinho

'Estou aqui para provar se posso fazer funcionar minha ideia de jogo em uma liga tão física', declara o treinador espanhol

Por O Dia

Inglaterra - A era Guardiola à frente do Manchester City começou nesta semana. Na terça, o técnico comandou o primeiro treino. Dois dias depois, a primeira coletiva. Dirigir uma equipe inglesa era um desejo antigo do treinador. O desafio de levar sua filosofia de jogo à Inglaterra move Guardiola.

Guardiola minimizou a 'rivalidade' com José MourinhoEfe

"Não sei se é a prova mais difícil como treinador. Sei o quanto é difícil aqui na Inglaterra encontrar um time que ganhe quatro ou cinco jogos seguidos. Todo mundo me fala desta dificuldade. Talvez seja o objetivo, ser muito constante. Talvez não vamos ganhar, ou não vamos ganhar sempre. Mas vamos tentar. Estou aqui para isto, para provar se posso fazer funcionar minha ideia de jogo em uma liga tão física. Sinto que é o melhor momento para tentar. Logo veremos", declarou o técnico.

Na Inglaterra, Guardiola vai reencontrar José Mourinho, adversário da época dos clássicos entre Barcelona e Real Madrid. Ele reforçou as palavras do técnico português, agora à frente do Manchester United, e minimizou a "rivalidade".

"Creio que José disse muito bem em sua entrevista. A coisa não está entre ele e eu, e não podemos nos concentrar somente em nós. Ou então, outra pessoa ganhará. Joguei muitas vezes contra Mourinho. E o que posso dizer é que seu trabalho me ajudou a chegar a um nível maior. Todos estes técnicos me fizeram maior", afirmou Guardiola.

Últimas de Esporte