Por luis.araujo

Rio - Alejandro Martinuccio escapou do trágico acidente, na madrugada desta terça-feira, por conta do tratamento de uma lesão. O jogador está desde março com a Chapecoense. Em entrevista à rádio argentina "TN Notícias", o meia relatou como se sente após perder diversos companheiros de equipe.

"Me salvei de viajar porque estava lesionado. Mas estou muito mal, muito triste com tudo isso que aconteceu. Sinto uma dor profunda. A Chapecoense é um clube que me fez sentir como se estivesse em casa desde quando cheguei. Me trataram muito bem sempre e agora só espero por mais sobreviventes. Aviso à minha família e aos amigos da Argentina que me encontro bem e só peço todos que rezem por meus companheiros", disse o argentino.

Martinuccio foi contratado pela Chapecoense em marçoDivulgação

O avião que levava a Chapecoense a Medellín, caiu na região de Antioquia, após decolar de Santa Cruz de la Sierra com 81 a bordo, deixando ao menos 76 mortos. 

Você pode gostar