Torcida quase esgota em 24h novo estoque de camisas da Chapecoense

O preço do manto da equipe de Santa Catarina é R$ 230

Por O Dia

Santa Catarina - A loja oficial da Chapecoense, localizada em frente à Arena Condá, é um dos pontos comerciais mais procurados da cidade. A proximidade do Natal e a comoção pelo desastre aéreo com o time, há duas semanas, tem feito a camisa oficial se esgotar a cada remessa. Na última reposição, o novo estoque já foi 90% vendido para os consumidores, em cerca de 24 horas.

A peça mais procurada da loja é a camisa oficial utilizada pelo clube em 2016, na cor verde escura, com detalhes em verde limão. O preço é R$ 230. A segunda encomenda de reposição do estoque feita ao fornecedor de material esportivo chegou na segunda-feira, com cerca de 90 peças. Na tarde desta terça, restavam somente nove, todas do tamanho extra grande, o maior produzido pelo fabricante.

Camisas da Chapecoense estão sendo muito procuradas Efe

Embora exista a previsão de novas remessas nas próximas semanas, a procura na loja por artigos do clube é grande. Os consumidores que não encontram a peça desejada precisam se contentar com produtos alternativos, como uma camisa retrô pelo primeiro título catarinense da história, em 1977, vendida a R$ 100 e com poucas peças disponíveis, ou a camisa de jogo usada na temporada de 2013, quando a equipe ainda estava na Série B, comercializada a R$ 120.

Na frente da loja, uma rotatória recém-inaugurada tem decoração referente à tragédia com o voo da LaMia. O índio Condá, mascote do time, e esculpido por artista plástico local leva nas costas um adesivo com o escudo da Chapecoense. Ao lado dele, um tigre, símbolo do Atlético Nacional, leva o escudo da equipe colombiana colada ao corpo. As duas equipes se enfrentariam na final da Sul-Americana nas últimas duas semanas.

Últimas de Esporte