Mais Lidas

Manchester City faz 3 a 0 no Hull City e assume a vice-liderança no Inglês

Com gols no fim, comandados de Guardiola ficam a 7 pontos do Chelsea

Por gabriel.santos

Inglaterra - Os treinamentos realizados pelo técnico espanhol Pep Guardiola em pleno feriado de Natal - tanto no sábado e no domingo - surtiram efeito. Nesta segunda-feira, na tradicional rodada do "Boxing Day" do Campeonato Inglês, o Manchester City só marcou no segundo tempo, mas derrotou com facilidade o lanterna Hull City por 3 a 0, fora de casa, pela 18.ª rodada da competição.

Yaya Touré abriu o placar para a equipe de Guardiola%2C de pênaltiDivulgação / Manchester City

Agora com 39 pontos, o clube de Manchester assumiu a vice-liderança. A ponta do Campeonato Inglês está com o Chelsea, que chegou aos 46 ao bater em casa o Bournemouth também pelo placar de 3 a 0. Mas esta segunda colocação pode ser perdida nesta terça-feira, quando o Liverpool (com 37 pontos) enfrentará o Stoke City, no estádio Anfield Road, em Liverpool.

Aliás, o Liverpool será justamente o próximo adversário do Manchester City. Neste sábado, no último dia de 2016, os dois rivais se enfrentarão em Liverpool, pela 19.ª rodada - a última do primeiro turno. Já o Hull City, último colocado com 12 pontos - empatado com o Swansea City -, terá pela frente o Everton, em casa, um dia antes, nesta sexta-feira.

Esta é a terceira vitória consecutiva do Manchester City, fato que não acontecia desde setembro, quando o time iniciou a temporada com 10 triunfos em sequência. Mas o começo do jogo desta segunda-feira não foi dos melhores e o primeiro tempo ficou muito abaixo do esperado.

Emoção mesmo só na segunda etapa. Logo no início, o belga De Bruyne chutou uma bola na trave e o Hull City respondeu após Dawson cabecear e Sagna tirar em cima da linha. Com mais posse de bola, o Manchester City chegava várias vezes ao ataque e, aos 27 minutos, abriu o placar. Robertson deu um carrinho na área e acabou cometendo um pênalti em Sterling. Yayá Touré aproveitou e bateu com perfeição para balançar as redes.

Em vantagem, o Manchester City teve tranquilidade para fazer o segundo, aos 32 minutos. Em um contra-ataque, De Bruyne conduziu a bola com perfeição e abriu a bola na direita para David Silva. De primeira, o espanhol rolou no meio para Ihenacho só completar para as redes.

Ainda teve tempo para o Hull City presentear o Manchester City. Na última jogada da partida, aos 48 minutos, Sterling puxou pela esquerda e colocou na área. No desespero para cortar o lance, Davies acabou empurrando para as próprias redes.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia