Lembra dele? Xodó da torcida do Flamengo, Obina vive má fase no futebol japonês

Atacante marcou apenas oito gols em quase dois anos jogando pelo modesto Matsumoto Yamaga, da Segundona

Por O Dia

Rio - Obina começou sua carreira no Vitória, na Bahia, mas foi no Flamengo que se consagrou, fez história e se tornou ídolo. Destaque absoluto no time rubro-negro, o atacante baiano ficou eternizado ao som da clássica música 'Obina é melhor que o Eto'o', em comparação ao então jogador camaronês Samuel Eto'o, que atuou com sucesso pelo Barcelona.

Obina agora defende o Matsumoto Yamaga%2C do JapãoDivulgação

Após passagem pelo time da Gávea, o atacante chegou a jogar pelo Palmeiras, onde foi suspenso do time ao agredir seu companheiro de equipe Maurício pouco depois do término do primeiro tempo do jogo contra o Grêmio em 2009. Depois da polêmica, Obina foi transferido para o futebol chinês, onde atuou por duas temporadas no Shandong Luneng.

Hoje, com 33 anos e um currículo recheado, o vetereno Obina está desde 2015 atuando em um modesto time da segunda divisão japonesa, o Matsumoto Yamaga. O atacante não repete a boa fase de temporadas anteriores na Ásia. Em 40 jogos, marcou apenas oito gols.

Últimas de Esporte