Jogador morre na Síria após se juntar ao Estado Islâmico

Kamal Aharchi tinha ordem de prisão na Bélgica, mas decidiu continuar residindo no país onde foi morto

Por jessyca.damaso

Bélgica - Kamal Aharchi é um conhecido jogador de futsal na Bélgica. O Atleta morreu na Síria, no final de janeiro, durante um conflito envolvendo o Estado Islâmico. Kamal chegou a defendar a camisa da seleção belga, mas decidiu seguir para o país sírio após se radicalizar ao grupo extremista.

KamalReprodução/ DH Les Sports/VTM

De acordo com o site HLN.Be, o jogador morreu quando fazia patrulhamento na região de Al-Leramoon, em Aleppo. Ele foi alvejado por um atirador de um grupo dissidente.

Nos tempos em que jogou futsal, Kamal era considerado um 'jogador problemático', chegando a ficar afastado de suas atividades em 2004 após discutir com o treinador. O atleta tinha 36 anos e conviveu com graves lesões no joelho, decidindo largar o futsal depois que integrou o Estado Islâmico.

Em setembro de 2015, ele e o irmão gêmeo compareceram ao Tribunal de Bruxelas para explicarem ligação com grupos terroristas. Kamal tinha ordem de prisão na Bélgica, mas decidiu continuar residindo na Síria, país onde foi morto.

Últimas de Esporte