Renato Augusto denuncia irmã de Léo Moura por estelionato e furto em festa

Jogador tomou um prejuízo de R$ 200 mil de Lívia Moura

Por O Dia

Rio - Renato Augusto, do Beijing Guoan, da China, e da seleção brasileira, acusou a irmã do lateral-direito Léo Moura, do Grêmio, por estelionato e furto. O jogador prestou notícia-crime na polícia contra Lívia da Silva Moura. A denúncia seria de um desvio de pelo menos R$ 200 mil. A informação foi divulgada pelo UOL.

Renato Augusto foi lesado em pelo menos R$ 200 mil Pedro Martins / MoWA Press / Divulgação

O início da confusão se deu por meio da comemoração do primeiro ano de casados de Renato Augusto e a mulher Fernanda Klamer. Como as famílias dos jogadores são amigas, o casal resolveu chamar a irmã de Léo Moura para cuidar da produção musical do evento, pois a mesma já havia prestado esse serviço no casamento, em 11 de dezembro de 2015. Entre os contratados estavam Thiaguinho, Péricles, Belo, Rodriguinho e MC Marcinho.

Após a festa de renovação dos votos, Renato Augusto e seus familiares perceberam a cobrança excedente de R$ 160 mil, além do furto de duas folhas de cheque. O jogador do Beijing soube que boa parte do dinheiro pedido por Lívia Moura não havia sido repassada aos cantores, inclusive Péricles, que não marcou presença na festa por conta de não ter recebido o cachê. Diante disso, o prejuízo passou a ser de R$ 200 mil.

Diante de todo esse caos, Renato Augusto e sua família se sentiram traídas por conta da amizade de mais de 12 anos entre as partes. Para tentar sanar o problema, o atleta disse que pagou os cantores e que agora vai resolver a questão com Lívia Moura na justiça.

Últimas de Esporte