Nova Iguaçu encara o Madureira neste sábado em Conselheiro Galvão

Em quarto lugar no Grupo B, Laranja da Baixada terá mais um compromisso fora de casa na Taça Guanabara

Por O Dia

Rio - Em quarto lugar no Grupo B da Taça Guanabara, o Nova Iguaçu concluiu nesta sexta-feira sua preparação para mais um compromisso fora de casa - o quarto em quatro jogos neste primeiro turno do Campeonato Carioca. No sábado, o Orgulho da Baixada encara o Madureira, vice-líder da chave e até aqui com 100% de aproveitamento, às 16h30, em Conselheiro Galvão, com transmissão do SporTV.com.

Nova Iguaçu vai encarar o Madureira, neste sábado, ás 16h30, em Conselheiro GalvãoBernardo Gleizer/NIFC

Durante a semana, a comissão técnica trabalhou bastante a equipe no sentido de minimizar os erros e fazer os ajustes para poder conquistar um bom resultado em Madureira. Além disso, o Nova Iguaçu tem em seu elenco atletas com uma longa passagem pelo Tricolor Suburbano, como o goleiro Jefferson, que atuou por lá por sete anos,o meia Caio Cezar, que jogou por cinco temporadas, e o meia-atacante Alex Souza.

"Será um jogo difícil, tanto pelo estádio ter dimensões menores, com a torcida em cima, quanto pela qualidade do time deles, que tem feito uma grande campanha. O PC Gusmão é um ótimo treinador, que conseguiu equilibrar bem a equipe, e eles têm a possibilidade de selar já uma classificação. Sabemos das dificuldades que vamos encontrar, mas nos preparamos bem para fazer um bom jogo", afirmou Jefferson, vice-campeão da Taça Rio-2006 e da Taça Guanabara-2007 com o Madureira.

"Já joguei muitas vezes lá, desde a base. Estou acostumado com o campo, mas será a primeira vez que estarei lá jogando contra o Madureira. Minha vontade será a mesma, de fazer um grande jogo e vencer. O Nova Iguaçu não encarou nenhum jogo até aqui que não seja decisivo, desde a seletiva, e não será diferente agora. Eles querem vencer, mas também temos os nossos objetivos", contou Caio Cezar, campeão da Copa Rio-2011 pelo clube tricolor.

Depois da primeira derrota na fase principal do Carioca, sofrida para o Flamengo em Moça Bonita, no último sábado, os jogadores do Nova Iguaçu viraram a chave e estão motivados para encarar mais este compromisso na condição de visitante. Antes do revés em Bangu, o NIFC havia conquistados dois bons resultados, com os empates em 1 a 1 contra Botafogo e Boavista, ambos fora de casa.

"Não gostaríamos de ter pedido da forma como foi. Sabemos da qualidade que iríamos encontrar contra o Flamengo, não foi o resultado que queríamos, mas temos que levantar a cabeça. Vínhamos fazendo uma boa competição, não podemos jogar fora tudo o que conquistamos. Foi uma derrota amarga, mas estamos com a cabeça erguida para fazer um bom jogo", explicou Jefferson, que tem 156 jogos pelo Nova Iguaçu.

 

Últimas de Esporte