Ídolo na Udinese, Zico é homenageado: 'Mundo nos conheceu graças a você'

Galinho jogou apenas dois anos no clube italiano, mas foi o suficiente para conquistar o coração da torcida, que o ovacionou, 30 anos depois

Por O Dia

Itália - O maior jogador da história do Flamengo, Zico, também é ídolo na Itália, onde jogou pela Udinese. Neste domingo, o clube italiano seguiu com a festa, comemorando 120 anos de sua fundação, com a presença do Galinho de Quintino, que foi ao estádio Friuli e foi recebido com muita festa pela torcida.

Zico foi ovacionado pela torcida presente no estádio FriuliDivulgação / Udinese

Mesmo tendo feito apenas 53 jogos pelo time de Udine, Zico é reverenciado até os dias de hoje. Antes da partida contra o Sassuolo, o brasileiro foi a campo para receber homenagens e saudar os torcedores.

Faixa exibida pela torcida dizia: "Zico: graças a você, o mundo nos conheceu"Reprodução / Twitter

Ainda que tenha deixado o clube há mais de 30 anos, para voltar ao Flamengo, Zico ainda recebeu o carinho, até mesmo das gerações que não puderam vê-lo jogar, por não terem nascido. O ex-jogador brincou com o fato e agradeceu a recepção.

"Estar junto deles, de todos esses torcedores, foi fantástico, inesquecível. Após 30 anos, voltar aqui e ver esse entusiasmo significa que fiz um bom trabalho. Acredito que os pais fizeram um bom trabalho com as crianças que hoje me aplaudem. Eles não me viram naquela época", declarou o brasileiro, em entrevista ao canal Sky Sports Italia.

Zico chegou à Udinese em 1983, depois de deixar o Flamengo. Logo em sua primeira temporada, marcou 19 gols nos 24 jogos que disputou. No entanto, acabou sofrendo com lesões na temporada seguinte e fez apenas 15 jogos, com três gols marcados. Deixou o clube em 1985, com um total de 53 partidas e 30 gols. Foi o suficiente para se tornar ídolo da torcida bianconera.

Últimas de Esporte