Com golaços de Neymar e Messi, Barça arrasa e embala para 'missão impossível'

Com um jogo a mais do que o Real Madrid, clube catalão aparece na primeira colocação

Por O Dia

Espanha - O Barcelona fez neste sábado uma apresentação digna das estrelas que tem no elenco. Com Messi e Neymar inspirados, o time catalão goleou o Celta por 5 a 0, no Camp Nou, pela 26ª rodada do Campeonato Espanhol. O brasileiro marcou um golaço. Messi também fez dois belos gols e ainda deu duas assistências. Umtiti e Rakitic completaram o placar.

Com um jogo a mais do que o Real Madrid, o Barcelona aparece na primeira colocação na tabela, com 60 pontos, um a mais do que o arquirrival, que horas mais cedo goleou o Eibar por 4 a 1, fora de casa. O Celta está em décimo, com 35. O resultado empolga os torcedores e o elenco antes do complicado duelo de meio de semana pela Liga dos Campeões.

Na próxima quarta-feira, o Barcelona receberá o Paris Saint-Germain no jogo de volta da competição. Depois de perder a primeira partida por 4 a 0, a equipe espanhola precisa de praticamente um milagre para avançar.

Barcelona goleou o Celta de VigoEfe

Se Neymar e Messi jogarem o que jogaram neste sábado, a missão talvez não seja tão impossível assim. O craque argentino fez uma apresentação memorável. O caminho da vitória foi aberto por ele, em grande estilo, em uma jogada que se tornou sua marca registrada.

Messi recebeu na intermediária, arrancou em velocidade deixando os marcadores para trás e ajeitando a bola para a perna esquerda Ao encontrar uma brecha entre os marcadores, mandou colocado no canto direito do goleiro: 1 a 0.

Antes disso, o Barcelona já havia acertado duas bolas na trave na mesma jogada com Suárez e Messi e ainda reclamado de um pênalti em cima de Neymar, não assinalado pelo juiz. Mas a não marcação da penalidade não fez falta.

A pressão continuou e o time catalão conseguiu ampliar o marcador sem muito esforço. Messi deixou Neymar na boa. O brasileiro esperou o goleiro sair e com um leve toque, com muita categoria, o encobriu. O golaço comprovou o ótimo retrospecto do ex-jogador santista contra o Celta. Em sete partidas, balançou as redes por seis vezes.

O passeio seguiu no segundo tempo. Aos 13, Neymar recebeu na esquerda e foi para cima do marcador, que foi recuando. O brasileiro tocou para Messi, que passou para Rafinha. O meio-campista deixou a bola escapar e caiu nos pés de Rakitic. O croata, em posição de impedimento, mandou para as redes.

Três minutos mais tarde, Messi deu mais uma assistência, agora com um cruzamento rasteiro da esquerda nos pés de Umtiti, que marcou de carrinho. Foi o primeiro gol do zagueiro francês com a camisa do Barcelona.

Mais três minutos e Messi voltou a infernizar a zaga adversária. Desta vez ele arrancou pelo lado direito, cortou para o meio, passou por dois marcadores com facilidade e tocou rasteiro para o fundo das redes. Com mais este, o argentino passou a ter mais gols do que partidas disputadas na temporada. Em 37 jogos, marcou 38 vezes.

Faltava ainda o do uruguaio Suárez, mas estava complicado. Messi até que tentou por duas vezes deixar o centroavante na cara do gol. Mas o uruguaio furou na primeira e na outra a zaga cortou. Não fez falta. O torcedor do Barcelona agora espera que o ótimo futebol apresentado se repita na Liga dos Campeões.

DE OLHO NO G4

Em outro duelo encerrado há pouco neste sábado, o Villarreal derrotou o Espanyol por 2 a 0, em casa, e se aproximou do G4 na competição nacional. Os gols da partida foram marcados por Roberto Soriano e Diego Lopez, contra.

Com o resultado, o time anfitrião foi a 45 pontos, na sexta colocação, a três de distância da Real Sociedad, o quarto colocado. Os visitantes estão em nono, com 36.

Últimas de Esporte