Narrador 'nervosinho' perde a paciência após gol de goleiro: 'cabeças de bagre!'

Jornalista demonstrou revolta com derrota da equipe e distribuiu críticas ao trabalho realizado pelo clube: 'é um time ridículo'

Por O Dia

Minas Gerais - A indignação por um gol de goleiro marcado pelo Nacional de Muriaé, pelo Módulo II do Campeonato Mineiro, contra o Uberaba, revoltou o narrador que participava da transmissão da partida. Moura Miranda, da 'Rádio Sete Colinas', desabafou após a derrota do time do Triângulo Mineiro, por 2 a 0, e demonstrou indignação com a situação da equipe.

"É para acabar! É para provar que esse time é ridículo! É um time ridículo. O time que tomou gols aos 10 minutos do primeiro tempo e jogou mais de 45 minutos com um jogador a mais e toma um gol de goleiro aos 53 minutos. 53! É para desmoralizar. É para acabar com a carreira de treinador, é para encerrar a carreira deste bando de cabeças de bagre. Está engasgado na minha garganta desde o primeiro jogo lá em Patrocínio o que eu tenho vontade de dizer: Este time é ruim demais!", disse o jornalista.

"Que este time é ridículo. Que este é um dos piores times da história do Uberaba Sport Club. Realmente, para desmoralizar de vez. Para acabar com o pequi de Goiás. Gol de goleiro. Gol de goleiro! O goleiro pegou a bola, deu um chutão, o Kauê furou de cabeça. Acaba a vergonha! Acaba as esperanças! Acaba a vergonha! Só resta a chance de ser o lanterna deste grupo. Porque é o lugar que ele merece neste campeonato da Segunda Divisão”, concluiu.

A narração em tom de desabafo ganhou espaço nas redes sociais, nesta quinta-feira.

Últimas de Esporte