Por jessyca.damaso

França - O Paris Saint-Germain goleou o Bastia por 5 a 0, em casa, no Parque dos Príncipes, neste sábado, em jogo da 36ª rodada do Campeonato Francês, com gols marcados por Lucas Moura e Marquinhos. Entretanto, um dos gols marcados pelo time parisiense foi obtido em uma jogada de absoluta falta de fair-play por parte da equipe.

Paris Saint-Germain goleou por 2 a 0 o BastiaEFE/EPA/CHRISTOPHE PETIT TESSON

Com a vit√≥ria, o PSG chegou aos 83 pontos na classifica√ß√£o, empatando com o l√≠der Monaco. Mas a equipe da capital francesa tem dois jogos a mais do que o advers√°rio, que ainda vai entrar em campo neste s√°bado - visitar√° o Nancy - e est√° envolvido nas semifinais da Liga dos Campe√Ķes da Europa. Os parisienses est√£o faturando a segunda vaga do pa√≠s para a fase de grupos da pr√≥xima edi√ß√£o da competi√ß√£o.

Já o Bastia segue na lanterna do Campeonato Francês com apenas 31 pontos em 36 jogos disputados, uma partida a mais que os principais adversários na luta para se manter na principal divisão do país (Nancy, com 32, Caen e Dijon, ambos com 33) e que ainda jogarão na rodada.

O placar evidencia o amplo domínio do PSG diante do fraquíssimo adversário. Mas o primeiro gol demorou a sair. E foi marcado pelo ex-são-paulino Lucas Moura. Aos 32 minutos, ele chutou com o pé direito de dentro da área após receber passe de Matuidi.

Três minutos mais tarde, o italiano Marco Verratti ampliou para 2 a 0, mas a jogada foi polêmica. O jogador do PSG se aproveitou de uma distração do goleiro do Bastia, Jean-Louis Leca, que tentava ajudar Matuidi, atacante do PSG, caído em campo com dores. O italiano não se importou e, ao ver o goleiro fora da posição, bateu por cobertura de fora da área. O gol foi lindo, mas o fair-play foi totalmente abandonado pelo italiano. Os outros jogadores do PSG também não se importaram e comemoraram o gol.

No segundo tempo, a estrela do jogo foi o uruguaio Cavani. Ele marcou duas vezes e ainda perdeu um pênalti. Aos 31 minutos, chutou de pé direito após receber passe de Gonçalo Guedes. Aos 35, o uruguaio desperdiçou um pênalti ao bater no meio do gol. Leca defendeu.

Depois, aos 41 minutos, foi a vez de o zagueiro brasileiro Marquinhos acertar o √Ęngulo direito do goleiro advers√°rio e ampliar para 4 a 0. O PSG teve tempo para marcar mais uma vez, com Cavani, que acertou de fora da √°rea o canto inferior direito da meta de Leca, aos 44 minutos do segundo tempo: 5 a 0.

Na pr√≥xima rodada do Campeonato Franc√™s, a 37¬™, o PSG enfrentar√° o Saint-√Čtienne, fora de casa, em 14 de maio.

Você pode gostar