O Rio vai tremer! José Aldo volta ao octógono do UFC contra Max Holloway

Brasileiro vai enfrentar o norte-americano, neste sábado, na Arena da Barra

Por O Dia

Rio - A principal luta do UFC 212 entre José Aldo e Max Holloway promete incendiar o público do Rio de Janeiro, neste sábado, na Arena da Barra, em duelo válido pela unificação do cinturão do peso-pena. O brasileiro afirma que está pronto para qualquer situação, mas demonstra respeito pelo rival.

José Aldo e Max Holloway se enfrentam pela unificação do cinturão do peso-penaMontagem

"O Max Holloway é o único adversário na divisão que eu ainda não venci, essa é a luta certa hoje. Nos últimos meses, muita coisa aconteceu, pensei em parar um pouco, mas recebi um apoio incrível dos fãs, que gostam de me ver lutar e querem continuar por muito tempo. O carinho que eles têm comigo é muito grande e é mais um dia de alegria poder lutar para eles aqui no Rio de Janeiro", disse José Aldo.

Sobre o fato de lutar em casa com o apoio da torcida, Aldo espera uma grande festa. "Todas as vezes que lutei por aqui, a luta foi memorável, isso é um fato. Estou preocupado apenas com o meu lado, não com o que ele vai fazer, mas posso garantir que treinei muito, estou muito preparado e vem mais uma luta memorável por aí".

Rival da noite, Max Holloway afirma que esse será o combate do ano e espera que a luta entre para a história do UFC.

"Muita gente acha que essa vai ser a luta do ano. Eu concordo, mas também acho que pode ser uma luta totalmente dominada por um lado só. Vamos ver quem vai chegar no sábado e mostrar a que veio. O Aldo é um grande lutador e eu estou muito feliz de lutar com um cara como ele. E que lugar melhor para isso do que na casa do cara, no Rio de Janeiro? Eu e minha equipe o estudamos muito e sabemos que ele se coloca em situações de risco durante das lutas. Mas um mágico não conta seus truques, então só posso dizer que vi furos no jogo dele e vou explorá-los no sábado".

Últimas de Esporte