Árbitro é agredido por torcedores após segundo jogo da final do NBB

Cristiano Maranho foi alvo de socos no estacionamento do ginásio após segunda derrota do Bauru para o Paulistano, em casa

Por O Dia

São Paulo - O árbitro Cristiano Maranho foi agredido por dois torcedores na noite desta sexta-feira, após a segunda partida da final do Novo Basquete Brasil (NBB) entre Bauru e Paulistano, que aconteceu no ginásio Panela de Pressão, em Bauru. O jogo terminou 78 a 74 para o Paulistano, que abriu 2 a 0 na série e se aproximou do título. A arbitragem da partida gerou críticas do técnico e dos jogadores do Bauru, mas o pior aconteceu depois.

De acordo com o site do Jornal da Cidade, de Bauru, os agressores atacaram a socos Maranho cerca de uma hora e meia após o fim do jogo, no estacionamento do ginásio Panela de Pressão. Eles fora detidos por policiais militares e levados até a Central de Polícia Judiciária para serem autuados. O Bauru também poderá ser punido pela Liga Nacional de Basquete.

Cristiano Maranho apitou jogos dos Estados Unidos%2C de Lebron James%2C nas Olimpíadas de Londres em 2012Divulgação/Fiba

O Paulistano está a uma vitória do primeiro título no NBB. O 3º jogo da série será neste domingo, às 14h35, no ginásio Gigantão, em Araraquara. Vitória do Bauru força o 4º jogo, marcado para próximo sábado, em São Paulo. Se for necessário, a 5ª e última partida acontece no dia 17, em Botucatu.

Últimas de Esporte