STJD interdita estádio após briga generalizada entre torcidas em clássico

Um torcedor morreu, a caminho da partida, e outro ficou ferido, durante pancadaria na arquibancada

Por O Dia

Goiás - Após as cenas de pancadaria no Serra Dourada, na partida entre Goiás e Vila Nova, pelo Campeonato Brasileiro Série B, as primeiras medidas foram tomadas. Na última quarta-feira, o presidente do STJD, Ronaldo Botelho Piacente, aceitou o pedido da Procuradoria e interditou o estádio onde que ocorreu a confusão.

Briga marcou o clássico em GoiásReprodução Vídeo

Além da medida inicial, a Procuradoria ainda denunciou os clubes por não prevenirem e reprimirem a 'desordem' após o apito final. Entretanto, o julgamento ainda não tem data para acontecer.

A confusão aconteceu no último sábado, 24 de junho. Após o apito final, os jogadores do Vila Nova se dirigiram para seus torcedores para comemorar a vitória por 2 a 0 e, a partir daí, houve movimentação na arquibancada e membros de organizadas dos dois times invadiram áreas restritas, gerando a confusão. O tumulto deixou um torcedor do Goiás ferido.

Morte antes do jogo

Antes da partida, um torcedor do Goiás foi morto quando se dirigia em uma moto para o Estádio Serra Dourada. Segundo a PM, a vítima tinha 19 passagens pela polícia e foi atingida por vários tiros por integrantes de um carro ainda não identificado. O torcedor, que morreu no local, não teve seu nome revelado.

Últimas de Esporte