Justiça suspende decisão e Campeonato Pernambucano fica indefinido

Sport e Salgueiro decidiram a competição na quarta da semana passada

Por O Dia

Pernambuco - A polêmica decisão do Pernambucano ganhou um capítulo nesta quinta-feira. O Tribunal de Justiça Desportiva de Pernambuco (TJD-PE) impugnou a partida da volta entre Salgueiro e Spor Recife, realizada na quarta-feira da semana passada. A decisão foi comunicada pela Federação Pernambucana de Futebol (FPF). O resultado não poderá ser homologado até que seja julgado o pedido de anulação do jogo, que ainda não tem data para acontecer.

Decisão do Pernambucano pode ser anuladaReprodução Twitter

Na ocasião, o Sport derrotou o Salgueiro por 1 a 0 se sagrou campeão. A equipe derrotada reclama, porque antes do Leão decidir a partida, o Carcará reclama porque teve um gol anulado, antes do time rubro-negro sair na frente.

"A suspensão da homologação do resultado é um efeito automático previsto em lei. O Sport e a Federação Pernambucana de Futebol (FPF) terão dois dias úteis a partir do momento em que receberem a intimação para apresentar suas manifestações", afirmou o vice-presidente do TJD-PE, Vitor Freitas Andrade Vieira, que assinou o documento.

Entenda o caso

O assistente da decisão marcou saída de bola em cobrança de escanteio que resultou em gol do Salgueiro durante a segunda partida da decisão do Pernambucano, contra o Sport. O gol foi anulado pelo juiz da partida, Wilton Pereira Sampaio, que utilizou o árbitro de vídeo para analisar o lance. No momento, o placar estava em 0 a 0. Depois a equipe de Vanderlei Luxemburgo acabou marcando e se sagrando campeão do Pernambucano

Últimas de Esporte