Ex-lateral do Vasco vai a júri popular por acidente que deixou homem paraplégico

Jogador dirigia sem carteira de motorista em avenida da Barra da Tijuca

Por O Dia

Rio - O lateral-esquerdo Ernani Nascimento Germano, que viveu seu melhor momento em 2009, quando foi campeão da Série B pelo Vasco, vai a júri popular por ter se envolvido em um acidente de carro, em 2010. Na ocasião, a vítima ficou paraplégica.

Ernani jogou pelo Vasco em 2009Marcelo Sadio/Vasco da Gama/Divulgação

O acidente aconteceu na madrugada do dia 30 de janeiro de 2010, na Avenida Armando Lombardi, na Barra da Tijuca. Segundo a denúncia do Ministério Público, Ernani estava em alta velocidade e na contramão quando colidiu com o veículo de Evandro Ferreira de Souza, que ficou paraplégico. Ele não tinha carteira de habilitação.

"Ele teve tempo e distância suficiente, portanto, para voltar à sua correta direção ou estacionar o veículo no canteiro central da movimentada avenida na Barra da Tijuca, o qual, frise-se, era baixo e permitia a referida manobra. Ele assumiu o risco do resultado ao dirigir sem habilitação e agressivamente", disse a desembargadora Gizelda Leitão Teixeira, relatora do recurso.

PASSAGEM PELO VASCO

Ernani foi recém-contratado pelo Esporte Clube Mamoré, de Minas Gerais, mas antes disso, jogou pelo Vasco em 2009, quando a equipe carioca disputava a Série B do Campeonato Brasileiro.

O fato de atuar como lateral-esquerdo e como volante, conseguindo mostrar qualidade nas duas posições, encheu os olhos do então técnico do Vasco, Dorival Juvior, que pediu a contratação do atleta e foi prontamente atendido. Ernani entrou em campo 18 vezes e marcou um gol.

Últimas de Esporte