Jogadores ameaçam paralisar campeonato por atraso de salários

Determinação de parar foi tomada em comum acordo com os capitães dos clubes

Por O Dia

Bolívia - Uma associação de jogadores ameaçou paralisar o Campeonato Boliviano em andamento devido ao atraso no pagamento de salários e premiações por parte de alguns clubes, nesta segunda-feira.

"Lamentavelmente esta situação cria uma incerteza total, que nos obriga a tomar a decisão de paralisar o atual torneio, até que seja cumprido o acordo" de pagamento, informou em comunicado a associação FABOL.

A primeira rodada do atual torneio, que no domingo disputou sua quarta rodada, foi suspensa em julho pelo mesmo motivo.

A determinação de parar o futebol, comunicada nesta segunda-feira, "foi tomada por nossa direção, em coordenação com os capitães dos doze clubes e conta com o respaldo de todos os jogadores profissionais da Bolívia", completou o comunicado.

Segundo diversas versões da imprensa, oito dos 12 clubes da primeira divisão boliviana somam dívida de 1,2 milhão de dólares em salários e premiações atrasados.

Últimas de Esporte