Zagueiro sente fortes dores de cabeça e morre após atendimento médico

Atleta tinha 30 anos e as causas do óbito ainda não foram apontadas

Por O Dia

Alagoas - O zagueiro Rosinaldo Salustiano da Silva Júnior, conhecido como Júnior Maceió, morreu nesta quarta-feira, em Alagoas, após ser internado no Hospital Geral do Estado de Alagoas, queixando-se de dores de cabeça e apresentando vômitos recorrentes. O atleta tinha 30 anos e estava sem clube.

Júnior Maceió morreu aos 30 anosDivulgação

O zagueiro começou a sua carreira nas categorias de base do Centro Sportivo Alagoano (CSA), passando pelo Penedense e no início do ano tinha fechado contrato com o Camboriú (SC), clube que defendeu no Campeonato Catarinense.

O jogador esteve internado no setor de Neurologia do Hospital Geral do Estado de Alagoas, mas não teve a causa do óbito divulgada pela assessoria.

Nota do Camboriú

O Camboriú Futebol Clube lamenta profundamente o falecimento do atleta Rosinaldo Salustiano da Silva Junior, o Junior Maceió. Junior tinha 30 anos e faleceu no início da manhã desta quarta-feira, dia 23, em Maceió, sua cidade natal. O atleta estava internado desde segunda-feira, dia 21, no Hospital Geral do Estado de Alagoas, e a causa da morte ainda não foi confirmada pelo Hospital.

Junior Maceió chegou ao Camboriú em junho para a disputa da Série B do Catarinense 2017. Pelo Tricolor, disputou duas partidas e rescindiu seu contrato no início do mês. Maceió deixa esposa e três filhos.

O Camboriú FC presta condolências aos familiares e amigos do atleta e deseja que os corações sejam confortados neste momento de tanta dor. Na partida de sábado, dia 26, frente ao Hercílio Luz, um minuto de silêncio será respeitado em homenagem a Junior.

Últimas de Esporte