Jogador de confiança de Tite, Paulinho é escolhido para ser o capitão da seleção

Volante afirmou que o grupo não está preocupado com a situação da Colômbia, que precisa vencer para não despencar na tabela

Por O Dia

Colômbia - Jogador de confiança de Tite desde a época de Corinthians e um dos principais destaques da seleção brasileira desde que o técnico assumiu o cargo, há um ano, o volante Paulinho foi escolhido para ser o capitão do Brasil na partida desta terça-feira contra a Colômbia, em Barranquilla, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018.

Paulinho declarou que espera um jogo complicado com a ColômbiaEFE

Nesta segunda-feira, logo após o único treinamento da equipe no estádio Roberto Meléndez, o volante se disse agradecido pela escolha. Tite tem promovido rodízio de capitães na seleção e Paulinho era um dos poucos titulares que ainda não havia vestido a braçadeira. "É gratificante, depois de todo um trabalho que tem sido feito, de bons jogos pela seleção. Claro que não vai mudar nada, vou continuar sendo o mesmo jogador, dedicado", declarou o volante, logo após o treino da escaldante.

O volante afirmou que o grupo não está preocupado com a situação da Colômbia. Mesmo sendo a atual vice-líder da tabela de classificação, a equipe precisa vencer o jogo desta terça-feira para não correr o risco de desabar e terminar a 16.ª e antepenúltima rodada na quinta posição.

"A gente não se preocupa com outras coisas a não ser o nosso trabalho. Temos que fazer o nosso muito bem feito, focar dentro de campo e sair com bom resultado", ponderou Paulinho. "Temos de aproveitar o momento de confiança na seleção porque fomos nós que o construímos".

O jogador também declarou que espera um jogo complicado. "Todos os jogos com a Colômbia são complicados, difíceis. Sabemos que tem ter concentração e qualidade. Sabemos a dificuldade com clima e a torcida, mas temos que fazer nosso trabalho muito bem feito, focados e esquecendo o resto".

Últimas de Esporte