Atleta é assassinado a facadas ao tentar ajudar mulher que pedia socorro na rua

Suspeito foi detido pela polícia. Ele teria admitido que cometeu o crime

Por O Dia

Rússia - O vice-campeão europeu de marcha atlética Nikolay Ivanov, de apenas 23 anos, foi vítima de um crime covarde. O atleta russo foi morto a facadas enquanto tentava socorrer uma mulher em uma rua de Moscou, capital da Rússia.

Nikolay Ivanov foi vice-campeão europeu de marcha atlética na prova de 20kmReprodução Internet

"Alguém gritou: 'socorro!'. Nikolay foi ajudá-la e um homem lhe deu uma facada no estômago", disse o técnico do atleta, Sergei Osipov, em entrevista na última terça-feira a jornais locais.

O assassinato de Ivanov aconteceu em um bairro sudeste de Moscou, considerado um dos mais perigosos da capital russa. O atleta chegou a ser levado a um hospital, mas não resistiu à facada. O suspeito, nascido na Chechênia, foi detido pela polícia. Ele teria admitido que cometeu o crime.

"Ele era nossa grande esperança. Um dos marchadores com mais talento de Moscou. Nasceu em Kaliningrado, em uma família de militares. Depois eles se mudaram para Moscou", disse Tatiana Frolova, personal trainer do marchador.

Últimas de Esporte