Árbitro que marcou pênalti polêmico vai apitar decisão da Copa do Brasil

Luiz Flávio de Oliveira irritou gremistas contra o Bahia neste domingo

Por O Dia

Rio - O árbitro da finalíssima da Copa do Brasil está definido e será Luiz Flávio de Oliveira. Nesta segunda-feira, a Comissão de Arbitragem da CBF realizou o sorteio para determinar o juiz da partida decisiva que determinou o paulista, que tem a insígnia da Fifa, como o responsável por dirigir o jogo de quarta entre Cruzeiro e Flamengo.

Luiz Flávio de Oliveira, de 40 anos, se envolveu em polêmica no fim de semana. Nos instantes finais da partida entre Bahia e Grêmio, na Fonte Nova, o árbitro marcou pênalti na jogada em que Edílson escorregou na grande área e atingiu Allione. Rodrigão executou a cobrança e definiu a vitória do Bahia por 1 a 0 no último domingo.

Luiz Flávio de Oliveira apita decisão entre Flamengo e CruzeiroDivulgação

O jogo foi apenas o segundo apitado por Luiz Flávio após ficar cerca de quatro meses afastado da arbitragem por causa de uma grave lesão - dias antes, havia dirigido duelo entre Ceará e América Mineiro, válido pela Série B do Campeonato Brasileiro.

Agora, então, Luiz Flávio terá a responsabilidade de apitar a finalíssima da Copa do Brasil, na próxima quarta-feira, quando o Cruzeiro vai receber o Flamengo no Mineirão. O outro árbitro que participou do sorteio desta segunda-feira foi o também paulista Raphael Claus.

O jogo de ida entre Flamengo e Cruzeiro terminou empatado em 1 a 1, o que significa que o vencedor será o campeão. Em caso de nova igualdade, a definição da final da Copa do Brasil se dará na disputa de pênaltis.

O primeiro jogo, aliás, contou com umas decisão errada do árbitro Marcelo Aparecido de Souza, que validou um gol de Lucas Paquetá, ainda que o jogador do Flamengo estivesse impedido.

Últimas de Esporte