Abalado, ex-jogador do Vasco cogita aposentadoria após morte da esposa

Meio-campista irá se dedicar aos filhos até o fim do ano, quando deve definir seu futuro no futebol

Por O Dia

Pernambuco - Ainda muito abalado com a morte de sua esposa, vítima de um câncer no estômago no mês de julho, Léo Lima, de 35 anos, cogita aposentadoria. No início da semana, o ex-jogador do Vasco procurou a diretoria do Santa Cruz e, em comum acordo, acertou o seu desligamento do clube.

Esposa de Léo Lima morreu vítima de câncer de estômago em julhoReprodução / Twitter

A diretoria do Santa Cruz afirmou que o meio-campista estava com problemas para lidar com o falecimento da companheira. Visivelmente mal emocionalmente, Léo Lima irá se dedicar aos filhos, um menino e uma menina, de 4 e 10 anos, até o fim do ano, quando deve decidir sobre seu futuro.  A informação é do 'UOL Esporte'.

Poucos dias após perder a mulher, ele retornou aos treinamentos no Arruda, tentou seguir em frente no Santa Cruz, mas não estava mais conseguindo conciliar a rotina de um jogador profissional com a saudade dos filhos.

Léo Lima estava no clube pernambucano desde o fim de maio para a disputa da Série B e tinha contrato até o fim da atual temporada. No total, o meio-campista disputou nove partidas com a camisa do Santa Cruz, duas como titular, e marcou um gol.

Últimas de Esporte