Ex-jogador da Seleção é autuado por participar de rinha de galos

Não foi o primeiro caso do ex-atleta envolvendo atividades ilegais

Por O Dia

Porto Alegre - Fábio Rochemback, que jogou na seleção brasilera e no Barcelona no começo dos anos 2000, achou uma forma curiosa de aproveitar sua aposentadoria. O ex-jogador foi autuado em flagrante durante o último final de semana por participar de uma rinha de galo em Palmeira das Missões, no interior do Rio Grande do Sul

Fábio Rochemback defendeu o Grêmio em 2009Divulgação

De acordo com o Ministério Público, Rochemback concordou em assinar um termo circunstanciado e responderá por crime ambiental. O ex-voltante foi flagrado em uma operação conjunta das policias militar e civil em uma fazenda na zona rural de Palmeira das Missões. No local, foram apreendidos 89 galos, R$ 100 mil em dinheiro e uma espingarda.

A pena prevê detenção de três meses a um ano e multa. Rochemback responderá em liberdade. Ele será autuado no artigo 29, do decreto 6514/08 que prevê: praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos.

Não é a primeira vez que ele estaria envolvido em atividades ilegais envolvendo animais. Em 2011, a polícia encontrou galos de rinha na fazenda do jogador. 

Revelado pelo Internacional, Fábio Rochemback foi negociado com o Barcelona por 12 milhões de euros, um valor considerado muito alto em 2001. Além do time espanhol, ele ainda passou pelo Sporting, de Portugal, Middlesbrough, da Inglaterra, e Grêmio, seu último clube no Brasil, em 2009. Ele encerrou a carreira em 2013 no futebol chinês.

Últimas de Esporte