Associação cria polêmica ao propor implantar microchips na pele dos atletas

Objetivo seria melhorar o acompanhamento da luta contra o doping

Por O Dia

Inglaterra - A Associação Mundial de Olímpicos (WOA), organização formada por ex-participantes de Olimpíadas, anunciou a ideia de implantar microchips na pele dos atletas para melhorar o acompanhamento da luta contra o doping, informa a imprensa britânica.

"Colocamos microchips nos cães. Isto não parece prejudicá-los. Por quê não colocar microchips em nós mesmos?",  disse Mike Miller, diretor geral da WOA, em uma entrevista coletiva na terça-feira em Londres, cujas declarações foram publicadas pelo jornal 'Daily Telegraph'.

"Devemos enfrentar os trapaceiros. Penso que a busca da erradicação do doping, devemos utilizar microchips com os últimos avanços tecnológicos nos atletas", completou.

"Alguns consideram que isto representa uma violação da vida privada. É como um clube, se alguém não quer ser submetido às regras do clube, não podemos aceitar", disse o diretor geral da WOA, que representa 100.000 atletas olímpicos de todo o mundo.

Últimas de Esporte