Lateral da seleção brasileira revela fase de exagero com bebidas

Jogador afirmou que o seu pai o ajudou a superar momento complicado

Por O Dia

Espanha - Presente em quase todas as convocações de Tite, o lateral-esquerdo Filipe Luis tem uma carreira consolidada na Europa. Ídolo no Atlético de Madrid, o brasileiro, no entanto, viveu uma fase de deslumbramento no futebol. Em entrevista ao "El Mundo", ele afirmou que teve problemas com o álcool.

Filipe Luis falou sobre a sua carreiraEfe

"Com meu primeiro salário eu comprei um carro. Quando se cresce, se percebe que pode ser como Maradona, que isso acaba para todos e que vale muito se preparar para a vida depois (do futebol). Mas a gente sempre comete os mesmos erros. Eu também tive meus momentos de sair ou beber mais do que devia. Mas o meu pai me devolveu ao caminho", afirmou.

Ao ser perguntado sobre o jogador que mais gostou de jogar ao lado, o brasileiro não citou Neymar. Para Filipe Luis, Diego Costa, nascido no Brasil, mas naturalizado espanhol, é um jogador sensacional.

"Neymar e Hazard são talentos absurdos, mas o que me deu mais títulos foi o Diego Costa. Sempre faz 1 a 0. Uma coisa é fazer 30 gols e goleadas, outra são marcar 30 vezes para ganhar de 1 a 0 e isso o Diego faz", disse. 

Últimas de Esporte