Técnico Vanderlei Luxemburgo detona TV Globo e admite ser 'gato'

Treinador do Sport afirmou que prática de adulterar idade era praxe no futebol brasileiro em sua época como jogador

Por O Dia

Rio - O técnico Vanderlei Luxemburgo nunca foi conhecido por esconder suas opiniões e contemporizar ideias polêmicas. Em entrevista a Walter Casagrande, no Esporte Espetacular, o treinador do Sport admitiu que teve idade adulterada quando era jogador e não poupou críticas à Rede Globo.

Luxemburgo não perdoou TV Globo por sua demissão do posto de treinador da SeleçãoReprodução / TV Globo

Analisando os motivos que levaram à sua demissão da seleção brasileira, em 2000, Luxa apontou influência da emissora no fato. 

"A minha saída da seleção foi muito em função da não convocação do Romário para a Olimpíada (de Sydney 2000). A Rede Globo me botou por uma semana no Jornal Nacional, (falando) que eu levava dinheiro de jogador, que levava isso, que levava aquilo lá. Imagina o que aconteceu".

Logo após, quando questionado por Casagrande se havia alguma verdade em todas as acusações que lhe foram feitas, o técnico acabou por admitir que foi produto de "gato", prática que adultera a idade de jogadores de futebol.

"Não provaram absolutamente nada. Única coisa que eu tinha era idade trocada, que meu pai trocou, porque era uma praxe de jogador. Todo mundo era (gato) e Imposto de Renda. Quem não tinha problema de Imposto de Renda? O país tinha problema de Imposto de Renda."

Luxemburgo passou dois anos na Seleção, conquistando a Copa América de 1999, de maneira invicta. Além disso, como o próprio enumerou, venceu o torneio Pré-Olímpico e deixou a equipe na segunda posição das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2002.

Últimas de Esporte