Campeão mundial de F-1 é acusado de sonegar impostos em compra de jatinho

Lewis Hamilton tem seu nome nos Paradise Papers, que atingem até mesmo a Rainha Elizabeth II

Por O Dia

Inglaterra - As acusações de evasão fiscal têm atingido diversos astros do esporte recentemente. Cristiano Ronaldo, Messi e Neymar já tiveram problemas com o fisco espanhol e agora é a vez de Lewis Hamilton, tetracampeão mundial de Fórmula-1, também é acusado de não pagar impostos.

Hamilton é acusado de evasão fiscalAFP

Segundo documentos do Paradise Papers, que compila uma série de nomes acusados de evasão fiscal, incluindo os de Bono Vox e Madonna, o britânico não teria feito o pagamento de mais de R$ 14 milhões, relativos à compra de um jato particular.

A aeronave estaria avaliada em pouco mais de R$ 71 milhões e os valores de importação teriam sido reduzidos com a utilização de empresas nas Ilhas Virgens Britânicas, na Ilha de Mna e Guernsey.

Segundo representantes do piloto, a equipe de consultores que cuida de seus negócios garantiu que tudo foi feito respeitando as leis e que as acusações agora estão nas mãos de seus advogados.

Últimas de Esporte