Por fabio.klotz

Rio - Foram definidas neste domingo as equipes que entrarão na casa para a quarta temporada do “The Ultimate Fighter Brasil” (TUF). No último episódio, oito lutadores garantiram a presença no reality show e conheceram a primeira luta, que será entre os pesos-galos Matheus Nicolau, do time treinado por Maurício Shogun, e Reinaldo Vieira, do time de Anderson Silva.

Anderson Silva e Shogun escolhem os times para o TUFDivulgação

A primeira luta do programa deste domingo foi travada pelo carioca Matheus Adamas e o cearense Marcos Majú. O primeiro venceu após atingir o adversário na cintura, e o árbitro definir fim de combate por nocaute técnico. O presidente do UFC, Dana White, elogiou muito Majú - mesmo com a derrota - e externou o desejo de colocar o atleta de volta à disputa em caso houver alguma desistência.

No segundo embate, o pernambucano Jack Godzilla venceu o cearense Arlen Benks ao acertar um katagatame e finalizar o rival. Na sequência, o paulista Reginaldo Vieira superou o catarinense Peter Montibeller ao encaixar uma gilhotina, que fez o concorrente desistir.

A quarta luta foi protagonizada pelo carioca Fernando Açougueiro e o paulista Bruno Murata. Logo no primeiro round, Murata quebrou a mão e, mesmo apostando nos golpes de jiu-jítsu, foi superando no terceiro round ao ser estrangulado por Açougueiro. Em seguida, por decisão unânime dos juízes, Giovanni Soldado venceu Eduardo “Cabelo” Diez.

No sexto combate, em uma luta que levou os atletas à exaustão, o mineiro Nikolas Queijinho teve paciência para vencer o catarinense Alexandre Cidade. Depois foi a vez do potiguar Leandro Higo superar o manauara Maycon Boca com um katagatame.

O último confronto foi entre o curitibano Dedé Ricardo, aluno de Anderson Silva, e o gaúcho Jefferson Batata. Sob olhares do mestre, Dedé acertou um soco e um chute na linha de cintura do rival e conseguiu o nocaute que o garantiu na última vaga do reality.

LEIA MAIS: Notícias, lutas e bastidores: tudo do mundo do MMA

Depois das oito lutas, Anderson Silva e Maurício Shogun escolheram seus respectivos times, e Shogun determinou a luta. O time do Spider é composto por: André "Dedé" Ricardo, Nikolas "Queijinho" Motta, Erick Silva, Fernando Açougueiro, Matheus Adamas, Leandro Higo, Reginaldo Vieira e Bruno Gustavo. Já o de Shogun conta com: Nazareno Malegarie, Glaico França, Neto BJJ, Jack Godzilla, Matheus Nicolau, Dileno Lopes, Bruno Korea e Giovani Soldado.

No próximo episódio, Anderson Silva será comunicado que foi flagrado no exame antidoping, que o forçará deixar o programa e dar lugar a Rodrigo Minotauro.

Você pode gostar