No Shotoo 53, Priscila Souza ganha cinturão e ex-TUF vence por nocaute

Felipe Olivieri, ex-lutador do reality The Ultimate Fighter, retorna à ativa com nocaute relâmpago sobre Alvaro Pastor

Por O Dia

Priscila Souza venceu a campeã Luciana Pereira Reuters

Rio - O Shooto Brasil realizou sua primeira edição de 2015, no último domingo, no clube Hebraica, no Rio. Na luta principal da noite, Felipe Olivieri, da Nova União, que tentou vaga na segunda edição do TUF Brasil, mas acabou derrotado por Neilson Gomes na luta eliminatória e não entrou na casa, voltou de uma lesão no ombro e venceu Alvaro Pastor. No co-evento, Priscila Souza derrotou Luciana Pereira por decisão dividida dos juízes e ficou com o cinturão até 62kg.

LEIA MAIS: Notícias, lutas e bastidores: tudo do mundo do MMA

"Eu sou mais baixa que minha adversária, mas meu treinamento foi todo com a Jessica Bate-Estaca, que luta no UFC, e fiquei muito confiante no jogo em pé. Minha escola é o jiu-jitsu, mas treino numa equipe que qualifica a gente a bater de frente com qualquer uma. Para essa disputa de cinturão, meus treinadores traçaram a estratégia de manter a luta em pé e surpreende-la. Segui as instruções e fui recompensada com esse cinturão", disse a nova campeã, que agora tem em seu cartel profissional nove vitórias e quatro derrotas.

"Depois de um ano e quatro meses parado para evoluir e por lesão no ombro, estou mais do que satisfeito com essa vitória. Não é fácil para nenhum lutador ficar tanto tempo sem atividade, mas eu sei que a diferença entre o sucesso e o fracasso é um passo a mais. E eu tentei de novo e fui vencedor. A gente aprende muito na derrota, e aprendi a não relaxar nem um minuto. Me mantive concentrado o tempo todo e saí vencedor", completou Olivieri.

Shooto Brasil 53 - Resultados Oficiais

-Até 70,7kg: Felipe Olivieri venceu Alvaro Pastor por nocaute técnico a 1min e 40seg do 1ºR;
-Até 62kg: Priscila Souza venceu Luciana Pereira por decisão dividida dos juízes;
-Até 61,6kg: Luciano Benício finalizou Eliel Topete Dourado com katagatame aos 3m39s do 3ºR;
-Até 70kg: Alcides Nunes finalizou Junior Sequela com triângulo de mão aos 49s do 1ºR;
-Até 57kg: Ronaldo Candido finalizou Julio Splinter com mata-leão aos 2m11s do 3ºR;
-Até 57kg: Augustin Zás venceu Heider Prais por desistência aos 3m24s do 2ºR;
-Até 52kg: Claudio Coutinho finalizou Danilo Gomes com chave de braço aos 3m1s do 2ºR.

Últimas de _legado_MMA