Próxima adversária de Ronda no UFC, Holly Holm diz: 'Não faço provocações'

Americanas se enfrentarão no dia 2 de janeiro, em Las Vegas

Por O Dia

Estados Unidos - Seguindo na contramão de Bethe Correia, Holly Holm adotou uma postura contida e de respeito diante de Ronda Rousey, sua adversária no UFC 195. A lutadora não escondeu sua admiração pela campeã do esporte. As americanas se enfrentarão no dia 2 de janeiro, em Las Vegas.

LEIA MAIS: Notícias, lutas e bastidores: tudo do mundo do MMA

"Eu não faço provocações. Tudo o que eu tenho a dizer sobre Ronda é o quanto a respeito, por tudo que ela fez pela nossa categoria, pelo MMA feminino e pelas mulheres no esporte. Ela melhorou muito, se desenvolveu como lutadora, conseguiu nocautes, está invicta e mostrou que se tornou uma lutadora completa, e não uma lutadora que só tem uma chave de braço", disse em entrevista ao 'TMZ'.

Holly Holm enfrentará Ronda Rousey no UFC 195Reprodução Facebook

Holly Holm foi campeã de boxe 18 vezes e venceu suas duas primeiras lutas no UFC. O sucesso na carreira fez Ronda a eleger como 'a melhor trocadora do MMA mundial', título que a lutadora interpreta de duas formas.

"Acho que as declarações dela sobre mim tem dois lados. São um grande elogio a mim vindo dela, mas, por outro lado, abrem caminho para que ela seja considerada a melhor trocadora do MMA caso ela me vença. Espero que eu consiga mostrar o meu melhor contra ela. Cada luta é uma chance de provar algo e de melhorar. Não me vejo como a melhor trocadora do mundo, porque sempre acho que há espaço para melhorar. Mas, sem dúvida, ela me fez um grande elogio", analisou.

Últimas de _legado_MMA