Por pedro.logato

Estados Unidos - Sempre afiada, a língua do irlandês Conor McGregor tem escolhido os brasileiros como objeto de críticas recentemente. Após provocar e derrotar José Aldo, o novo alvo do campeão dos pesos penas do UFC é o dono do cinturão dos leves, Rafael dos Anjos. Os dois vão se enfrentar pelo UFC e McGregor criticou o brasileiro por treinar nos Estados Unidos. As provocações incomodaram outro lutador tupiniquim. Campeão dos pesos pesados, Fabrício Werdum disse que se fosse ele o provocado, não iria reagir da mesma maneira pacífica como vem fazendo Rafael.

Fabrício Werdum é o atual campeão dos pesados do UFCDivulgado

"O Conor sempre interrompia o Rafael quando (os jornalistas) faziam alguma pergunta. Se fosse comigo ((fez um gesto como se jogasse um copo de água na cara de McGregor e desse um tapa) e o mandaria ficar calado. Mas o Rafael não é desse jeito, porém sabe lidar com isso e só pena na luta. (...) Se ele faz isso comigo, teria um grande problema", diss em entrevista ao site americano "MMA Fighting".

Nesta semana, Conor McGregor e Rafael Dos Anjos se encontraram pela primeira vez para promoverem o UFC 197, em março, em duelo pelo cinturão dos leves. Em coletiva de imprensa, o irlandês roubou novamente a cena e quase não deixou o campeão falar. Os dois duelam no dia 5 de março em Las Vegas.

Você pode gostar