Por bernardo.argento

Rio - O Botafogo empatou em 0 a 0 com o São Paulo, em um duelo bastante movimentado, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro, no Maracanã. Com o resultado, o Alvinegro perdeu a oportunidade de reassumir a liderança temporária da competição. Já o Tricolor continua na zona de rebaixamento, mas comemorando o ponto conquistado fora de casa. Na próxima rodada, o Glorioso recebe o Coritiba. Já a equipe paulista encara o Criciúma no Morumbi.

Botafogo só empata com São Paulo Carlos Moraes / Agência O Dia

O JOGO

A partida começou em ritmo intenso. As duas equipes entraram buscando o gol. O time paulista, mesmo fora de casa, não abdicou do ataque e foi o primeiro a assustar aos oito minutos. Após cobrança de falta de Ganso, a bola sobrou na esquerda para Osvaldo. O atacante cruzou para a grande área e achou o zagueiro Antônio Carlos livre. No entanto, o defensor bateu muito mal na bola e desperdiçou a chance.

O Botafogo respondeu rapidamente, quatro minutos depois. Rodrigo Caio saiu jogando errado, Elias roubou a bola, mas chutou para fora. O jogo continuava acelerado, mas os times não conseguiam criar grandes chances de abrir o placar. A melhor oportunidade esteve nos pés de Seedorf. Aos 44, o holandês apareceu na cara de Rogério Ceni, tentou driblar Antonio Carlos, mas foi desarmado.

Na volta para a segunda etapa, o panorama continuou o mesmo. O Alvinegro quase inaugurou o marcador aos quatro minutos. Seedorf, o maestro do meio campo botafoguense, soltou uma bomba da entrada da área, Rogério Ceni resvalou, e a bola explodiu no travessão. O Tricolor respondeu em seguida. Lucas Evangelista recebeu na área, cortou para perna direita e bateu para o gol. A bola tocou as redes pelo lado de fora.

O Botafogo se jogava a frente e dava oportunidades para o São Paulo explorar os contra-ataques. Aos 15, Jadson foi lançado, invadiu a área, bateu cruzado, mas a bola saiu pela linha de fundo. O jogo era bom. Dois minutos depois, o Glorioso assustou. Rafael Marques arriscou de fora de área para boa defesa de Ceni. O Alvinegro não desistia. Aos 22, Renato aproveitou a sobra da defesa tricolor e bateu para o gol. Lodeiro ainda tentou desviar, mas a bola foi para fora.

O São Paulo continuava aproveitando os espaços deixado pelo Botafogo e chegou perto de marcar, um minutos depois. Welligton fez boa jogada individual pela esquerda, cruzou para área, Lucas Evangelista completou, mas desperdiçou a chance. A partida não perdia em intensidade, com chances para os dois lados. Aos 25, Júlio Cesar levantou na área, Lodeiro cabeceou, mas a bola saiu pelo lado. Aos 35, a melhor chance para o São Paulo. Welligton apareceu sozinho na frente de Renan, demorou para chutar, Dória conseguiu uma recuperação incrível e salvou o Botafogo. Nos últimos momentos do duelo, o Glorioso tentou o abafa, mas não conseguiu balançar a rede.

Você pode gostar