Botafogo evita fazer contas para conquistar vaga na Libertadores

'Temos que pensar sempre no próximo jogo, pois existem vários fatores que podem interferir nesta disputa pelas vagas na Libertadores', avisa Bolívar

Por O Dia

Rio - A derrota de 1 a 0 para o Goiás fez o Botafogo despencar para a quarta posição do Campeonato Brasileiro , com 53 pontos, apenas um a mais que o Goiás, quinto colocado. O risco de deixar o G4, a zona de classificação para a Libertadores, tem feito os torcedores apelarem para a calculadora, fazendo as contas sobre os pontos necessários para garantir um posto no torneio continental. Os jogadores, porém, parecem avessos às contas e preferem pensar a situação do time jogo a jogo.

"Não podemos ficar fazendo contas. Temos que pensar sempre no próximo jogo, pois existem vários fatores que podem interferir nesta disputa pelas vagas na Libertadores. O importante é termos uma pontuação que nos garanta no torneio independentemente do que acontecer em outras competições. Para conseguirmos isso temos que pensar sempre jogo a jogo", disse o zagueiro Bolívar.

Bolívar quer Botafogo focadoAndré Mourão / Agência O Dia

O xerife botafoguense, quando fala de fatores que interferem no G4, refere-se ao fato de que, se São Paulo ou Ponte Preta conquistarem a Copa Sul-Americana, o Brasileirão perde uma vaga na Libertadores, com apenas os três primeiros se garantindo. Em compensação, caso isto não aconteça e um time do G4 ganhe a Copa do Brasil, o G4 passaria a ser G-5, tranquilizando os participantes que figuram no primeiro posto.

"Vamos procurar pensar sempre na próxima partida. Não adianta fazermos contas neste momento. Faltam seis jogos e algumas coisas nos parecem óbvias, como a necessidade de vencermos sempre em casa. Mas isso não significa que vamos estar na Libertadores. O segredo é pensar em cada jogo e tentar os pontos necessários", disse o goleiro Jéfferson.

Se o Botafogo prefere pensar no próximo jogo, o desafio que está por vir é o duelo contra o Internacional, previsto para este domingo, às 17h, em Caxias do Sul (RS), pela 33ª rodada. Para este compromisso o técnico Oswaldo de Oliveira vai poder contar com o retorno do zagueiro Dória, que cumpriu suspensão diante do Goiás e vai recuperar o posto de André Bahia. No restante o time deverá ser o mesmo que atuou na capital goiana. Porém, uma definição começará a acontecer somente nesta quarta-feira pela manhã, quando está prevista a primeira atividade tática da semana.