Botafogo vai encarar 'rival sedento' e temida altitude na Copa Libertadores

Glorioso terá a missão de superar as dificuldades da altitude contra o Deportivo Quito, que busca volta por cima em 2014

Por O Dia

Seedorf é a grande aposta do Botafogo pelo título inédito da Copa Libertadores da AméricaMárcio Mercante / Agência O Dia

Rio - A temporada de 2014 representa a promessa de volta por cima para o Deportivo Quito, adversário do Botafogo na primeira fase da Copa Libertadores. O Glorioso vai encontrar um rival que luta para superar a crise interna sofrida em 2013, curiosamente semelhante à do próprio clube carioca: problemas financeiros e atrasos salariais. Além disso, a altitude de 2.850m e o caldeirão que o Estádio Olímpico Atahualpa deve se transformar podem dificultar a vida do Alvinegro.

O duelo não será fácil. O Botafogo, que corre para anunciar um substituto para o técnico Oswaldo de Oliveira, terá pela frente um verdadeiro guerreiro. O Deportivo Quito já disputou a Libertadores sete vezes e, mesmo sem ter conquistado a taça, busca um ano de glória após toda a dificuldade vivida em 2013. Os 40.948 lugares do Olímpico Atahualpa devem ser ocupados por uma apaixonada torcida, que fará da primeira partida entre as equipes um verdadeiro inferno para o Alvinegro.

O maior percalço, no entanto, ficará por conta da altitude. O nível de 2.850m acima do mar promete dificultar ainda mais a situação do Glorioso. Considerada o maior medo dos brasileiros, a falta de oxigênio pode ser um fator determinante no primeiro jogo do confronto, no Equador. A segunda partida, no entanto, ainda não tem local definido, já que o Maracanã será poupado para a disputa da Copa do Mundo (o estádio receberá um menor número de partidas antes do Mundial) e o Engenhão ainda passa por reformas e não estará liberado para o confronto.

Do lado de cá, o Botafogo volta a sonhar com a conquista inédita da Copa Libertadores após 18 anos sem participar do torneio. Com apenas três participações no torneio até agora, o Alvinegro tentará pela quarta vez alcançar a taça da competição. Para isso, o craque Seedorf é a grande aposta do time de General Severiano. A vitória no duelo dará ao vencedor uma vaga no Grupo 2, que também conta com Unión Española, "Argentina 3" e Independiente del Valle.

Torcida do Deportivo Quito promete lotar o estádio para empurrar o time na LibertadoresDivulgação

Histórico Alvinegro

O Botafogo disputará a Libertadores pela quarta vez. A melhor colocação do Glorioso aconteceu em 1963, quando o clube estreou na competição e foi até as semifinais, sendo eliminado pelo Santos. Em 1969, um infeliz contratempo deixou o Alvinegro fora do torneio. Mesmo vencendo a Taça Brasil do ano anterior, o atraso no fim da competição acabou deixando todos os representantes do país longe da Libertadores. Em 1973, o Botafogo fez sua segunda aparição no torneio, mas não obteve sucesso. Na fase semifinal, que contou com um regulamento diferenciado, o time não resistiu a Colo-Colo e Cerro Porteño e ficou fora da decisão.

Vinte e três anos depois, em 1996, o Alvinegro retornou. Desta vez, como campeão do Brasileiro, o time acabou não resistindo ao Grêmio e voltou para casa nas oitavas de final. Em 2014, o Glorioso quer escrever um novo capítulo de sua história e levantar, pela primeira vez, a taça da América.

Botafogo de Didi, Garrincha e Nilton Santos chegou a semifinal da Libertadores em 1963Uanderson Fernandes / Agência O Dia