Jefferson assume total responsabilidade no Botafogo

Após saída de Seedorf, goleiro passa a ser a maior referência do time

Por O Dia

Rio - O goleiro Jefferson sabe que, com a saída de Seedorf, agora treinador do Milan, a responsabilidade sobre seus ombros aumentou ainda mais. Nada que assuste o capitão do time, que conhece bem a sequência complicada da equipe. No domingo, tem o clássico com o Vasco e, na quarta-feira, o Alvinegro decide a vaga na fase de grupos da Libertadores da América contra o Deportivo Quito, também no Maracanã.

“Saiu um grande profissional, que é o Seedorf, mas estão chegando outros jogadores também. São atletas qualificados, com passagens por grandes clubes, experiência em Libertadores. É só dar sequência naquilo que a gente vem fazendo que vai dar tudo certo”, disse o goleiro, em entrevista ao site da Fifa.

Jefferson projeta um 2014 especial no BotafogoDivulgação

Jefferson também elogiou uma das principais contratações do Botafogo para a temporada. “O Jorge Wagner é um grande jogador, tem quase as mesmas características do Seedorf. Atleta como ele você encontra poucos aqui no Brasil. Bola parada com ele é uma arma fundamental”, comentou o capitão.

Quem pode chegar ao Alvinegro é o meio-campo Jajá Coelho. O clube fez uma sondagem ao Metalist, da Ucrânia, sobre o jogador, que teve destaque atuando na equipe do Internacional.

Na última temporada, ele defendeu o Kayserispor, da Turquia, onde jogou por empréstimo. Além do Botafogo, São Paulo, Palmeiras e Goiás mostraram interesse no jogador, que está com 28 anos.