Hungaro admite que salário atrasado preocupa, mas garante foco do time

Treinador ressalta o profissionalismo do elenco alvinegro

Por O Dia

Rio - Eduardo Hungaro não escondeu o jogo e afirmou que o atraso de um mês de salário preocupa o elenco alvinegro. Apesar disso, o técnico ressaltou que o grupo de atletas saberá lidar com a situação reversa, assim como fez na temporada passada.

Eduardo Hungaro admitiu que os salários estão atrasados no BotafogoCarlos Moraes / Agência O Dia

"É uma situação que preocupa. Existe a promessa de se resolver entre hoje (segunda-feira) e amanhã (terça-feira). Preocupa, mas o grupo mostrou um profissionalismo absurdo ano passado. Tenho dentro do vestiário um grupo homens de verdade. Eles souberam suportar bem no ano passado. Neste ponto, não posso falar nada. É preocupante, pois todos que trabalhamos devemos receber nossos vencimentos", disse o treinador.

O Glorioso tem dificuldades de pagar os vencimentos dos jogadores desde que o Engenhão foi fechado, em março do ano passado. A diretoria está em busca de alternativas, mas o atraso vem gerando insatisfação em alguns atletas.