Neto Baiano faz golaço do meio-campo e sela triunfo do Sport sobre o Botafogo

Fogão decepciona e perde no retorno do Brasileirão

Por O Dia

Pernambuco - A volta do Campeonato Brasileiro foi com um choque de realidade. Após a Copa do Mundo de muitos gols, um magro 1 a 0 definiu a vitória do Sport sobre o Botafogo, nesta quarta-feira, na Ilha do Retiro. O gol, pelo menos, foi padrão Fifa. Neto Baiano acertou um chute do meio de campo e fez um golaço. Pior para o Alvinegro, que amarga uma derrota no retorno ao torneio e continua na zona intermediário da tabela, com nove pontos. O Leão tem 17 pontos e está no pelotão de elite.

Yuri Mamute não teve vida fácil na estreia pelo Botafogo%3A derrota na Ilha do RetiroFutura Press

O Botafogo decepcionou. O quarteto ofensivo, formado por Zeballos, Emerson Sheik, Wallyson e Yuri Mamute, não funcionou. O time pouco criou e foi apático no ataque. O estreante Mamute bem que tentou e lutou, mas foi tímido lá na frente. O goleiro Andrey, outro que debutou com a camisa alvinegra, até começou bem, mas estava muito adiantado no chute de Neto Baiano e foi surpreendido.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Botafogo

Na próxima rodada, neste sábado, às 21h, o Botafogo encara o Coritiba no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. O Sport joga no domingo, às 18h30, contra o Goiás no Serra Dourada.

O jogo

O Sport logo ameaçou. Zé Mário foi lançado e ficou cara a cara com Andrey, mas o jovem goleiro alvinegro abafou e salvou o Botafogo. O jogo, porém, era com pouca emoção e caiu na monotonia. Emerson Sheik deu o ar da graça e aplicou um chapéu. O Sport respondeu com chute de Patric. Andrey defendeu com segurança.

LEIA MAIS: Confira a tabela e classificação do Campeonato Brasileiro

A primeira chance clara do Botafogo foi com Zeballos. O paraguaio dominou dentro da área e chutou. A bola saiu rente à trave direita de Magrão, que só observou. Quem caprichou mesmo foi Neto Baiano. Do meio de campo, o atacante percebeu Andrey adiantado e mandou por cobertura: golaço. Sport na frente na Ilha do Retiro.

O segundo tempo foi semelhante à etapa inicial, com pouca chance de gol. Em raro contra-ataque, Neto baiano avançou, mas preferiu chutar em vez de tocar para Neto Baiano, que entrava livre. O arremate foi para fora.

Sem poder ofensivo, Vagner Mancini fez a primeira mudança no Botafogo. Carlos Alberto entrou na vaga de Zeballos. Depois, Daniel substituiu o jovem Yuri Mamute, que teve uma estreia tímida. Jorge Wagner entrou no lugar de Bolatti. A situação não mudou. Os únicos lances de perigo foram um cruzamento que Magrão mandou para fora e Carlos Alberto, livre, cabeceou para fora. O Botafogo continuou sem poder de fogo e amargou uma derrota no retorno do Brasileiro.

FICHA TÉCNICA

Sport 1x0 Botafogo

Estádio: Ilha do Retiro
Árbitro: Francisco do Nascimento (AL)
Público: 19.530 mil presentes
Gol: Neto Baiano (Sport, aos 43' do 1ºT)
Cartão amarelo: Lucas e Gabriel (Botafogo) e Rithely (Sport)
Cartão vermelho: - 

Sport: Magrão; Patric, Ewerton Páscoa, Durval e Renê; Rithely, Wendel e Felipe Azevedo (Ananias, aos 18' do 2ºT); Érico Júnior (Danilo, aos 8' do 2ºT), Zé Mário e Neto Baiano (Leonardo, aos 25' do 2ºT); Técnico: Eduardo Baptista.

Botafogo: Andrey; Lucas, Bolívar, Dória e Junior Cesar; Gabriel, Bolatti (Jorge Wagner, aos 31' do 2ºT) e Zeballos (Carlos Alberto, aos 15' do 2ºT); Emerson Sheik, Wallyson e Yuri Mamute (Daniel, aos 17' do 2ºT); Técnico: Vagner Mancini.