Eleição no Botafogo: Quatro candidatos querem resolver os problemas do clube

Nesta terça-feira 1795 sócios escolherão entre Carlos Eduardo, Marcelo Guimarães, Thiago Cesário ou Vinícius Assumpção para comandar o Alvinegro pelos próximos três anos

Por O Dia

Rio - Os 1795 sócios que têm direito a voto escolhem nesta terça-feira quem será o sucessor de Maurício Assumpção na presidência do Botafogo. Apesar do momento catastrófico, quatro candidatos estão dispostos a comandar o Alvinegro durante os próximos três anos: Carlos Eduardo Pereira, Marcelo Guimarães, Thiago Cesário e Vinícius Assumpção.

Aos 56 anos, o administrador Carlos Eduardo disputa seu segundo pleito no Glorioso. Líder da "Chapa Ouro", ele milita desde 1981 na política do clube e, em 1994, tornou-se sócio-benemérito. Na última disputa para a presidência, em 2011, ele foi derrotado por Assumpção por 73% a 27% dos votos. Desta vez, o apoio de ídolos do passado como o "Capita" Carlos Alberto Torres e Amarildo "O Possesso" faz com que a confiança na vitória seja grande.

Carlos Eduardo Pereira é o representante da Chapa OuroReprodução Facebook

Durante três anos e meio, Marcelo Guimarães teve papel fundamental no marketing do Botafogo, considerado um dos mais atuantes e inovadores entre os clubes de futebol no Brasil. Maurício foi quem o colocou no cargo de diretor do setor em 2009 e também o demitiu no meio do ano passado. O administrador de 55 anos, agora, espera retornar ao clube do coração no comando da "Chapa Grande Salto" para implementar uma gestão profissional.

Marcelo Guimarães tem o apoio do ex-zagueiro Gonçalves%2C campeão nacional em 95 pelo clubeReprodução Facebook

Thiago Cesário advogou durante 12 anos antes de se dedicar à carreira de empresário. Ele deixou o cargo de vice-presidente de comunicação na atual gestão para concorrer na eleição pela "Chapa Azul". Mesmo presente nos dois mandatos de Assumpção, o advogado de 54 anos rejeita o rótulo de candidato da situação. Apoiado pelos influentes ex-presidentes Carlos Augusto Montenegro e Bebeto de Freitas, ele espera conseguir a maioria dos votos.

Thiago Alvim é apoiado por ex-presidentes como Carlos Augusto Montenegro e Bebeto de FreitasReprodução Facebook

Um dos conselheiros mais jovens do quadro do Botafogo, Vinícius Assumpção, de 52 anos, é quem encabeça a 'Chapa Alvinegra' trocou o sobrenome por "Presidente" durante a campanha para evitar qualquer ligação com a diretoria comandada por Maurício. A principal proposta do administrador, que já foi presidente do Sidicato dos Bancários e atualmente é Secretário de Desenvolvimento Econômico Solidário do município, é ampliar a democracia no clube, permitindo que os sócios-torcedores tenham direito a voto.

Uma das propostas de Vinicius é recuperar a saúde financeira do BotafogoReprodução Facebook

Confira os principais tópicos abordados pelos candidatos:

LEIA MAIS: Conheça o perfil e as propostas dos candidatos à presidência do Botafogo

LEIA MAIS: Engenhão, CT da base e General: as propostas para melhorar a estrutura

LEIA MAIS: Planejamento 2015: candidatos contam o que esperam para o ano que vem 

LEIA MAIS: Política do clube: candidatos analisam as gestões de Maurício Assumpção

* Colaborou Edsel Brito